Brasil

Governo Federal libera R$ 280 milhões para estados atingidos por chuvas

Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Pernambuco e Alagoas serão beneficiados. Recursos serão utilizados em despesas com ações de proteção e defesa civil.

Em | Da Redação

Atualizado em

Governo Federal libera R$ 280 milhões para estados atingidos por chuvas
25 mil pessoas tiveram que deixar suas casas por causa das chuvas dos últimos dias: Alagoas

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) editou nesta sexta-feira (14) uma medida provisória que destina R$ 280 milhões a estados atingidos por fortes chuvasRio Grande do Sul, Santa Catarina, Pernambuco e Alagoas serão beneficiados.

A MP abre crédito extraordinário que, segundo o governo, permitirá o financiamento do atendimento emergencial de despesas com ações de proteção e defesa civil de estados.

Os recursos serão liberados pelo Ministério do Desenvolvimento Regional. O dinheiro vai ser utilizado na resposta e recuperação de infraestrutura destruída nos municípios afetados pelas chuvas.

Pernambuco contabiliza 15 cidades em situação de emergência após as fortes chuvas – FOTO: Defesa Civil/Divulgação

A passagem de um ciclone extratropical provocou destruição em estados brasileiros. Os ventos derrubaram árvores e deixaram milhares sem luz. Houve alagamento em várias cidades. No Rio Grande do Sul, uma pessoa morreu ao ter a casa atingida.

As rajadas de vento chegaram a 140 km/h e provocaram estragos em mais de 50 cidades gaúchas. O município de Sede Nova, no noroeste do estado, foi o mais atingido. Em Rio Grande, um idoso morreu. Em São Sebastião do Caí, o nível do rio subiu e invadiu ruas.

Além do Rio Grande do Sul, o ciclone também deixou estragos nos estados de Santa Catarina, Paraná e São Paulo.

Dezenas de municípios de Alagoas decretaram estado de emergência por causa dos temporais. O governo também anunciou que as pessoas afetadas pelas chuvas no estado receberão um auxílio no valor de R$ 800, fomento rural no valor de R$ 4.600 e antecipação do Bolsa Família e do FGTS.

Deixe sua opinião