Política

Ex-presidente Jair Bolsonaro está inelegível até 2030 após julgamento no TSE

Corte eleitoral julga ação sobre mentiras a embaixadores seis meses após saída do ex-presidente do cargo

Em | Da Redação

Atualizado em

Ex-presidente Jair Bolsonaro está inelegível até 2030 após julgamento no TSE

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) formou maioria nesta sexta-feira (30) para tornar Jair Messias Bolsonaro (PL) inelegível até 2030, quando terá 75 anos.

Quatro dos sete ministros da corte (Benedito Gonçalves, Floriano de Azevedo Marques Neto, André Ramos Tavares e Cármen Lúcia) votaram para reconhecer o abuso de poder político e o uso indevido dos meios de comunicação por parte do ex-presidente, após uma série de mentiras e ataques ao sistema eleitoral, e declarar a inelegibilidade. Raul Araújo se manifestou para livrá-lo da acusação.

Faltam ainda votar os ministros Kassio Nunes Marques e Alexandre de Moraes, presidente do tribunal.

A inelegibilidade tira do páreo o hoje principal adversário do presidente Lula (PT) e obriga a direita a construir um nome para herdar o capital eleitoral de Bolsonaro no pleito de 2026.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads