Cidades

“Algo morreu dentro de mim”, diz turista que teve parte do rosto arrancada em assalto

Em | Da Redação

Atualizado em

“Algo morreu dentro de mim”, diz turista que teve parte do rosto arrancada em assalto
(Foto: Reprodução)

A turista que foi violentamente agredida durante um assalto praticado por um jovem de 19 anos na última terça-feira (24), utilizou as redes sociais para mostrar a gravidade dos ferimentos e afirmou que não perdeu a mobilidade na região atingida. O crime aconteceu na rua de um hotel localizado no bairro de Cruz das Almas, na parte baixa de Maceió.

“Não perdi a sensibilidade e nem a mobilidade na região. Será um longo processo de recuperação, mas me conforta saber que tenho o apoio incondicional da minha família”, escreveu a mulher nas redes sociais. “sinto que algo morreu dentro de mim e nunca mais será o mesmo, me conforta saber que o tempo cura tudo”, completou.

O crime

As informações dão conta que foi anunciado o assalto contra a vítima que, ao perceber que ele estaria desarmado, teria supostamente reagido à ação criminosa e acabou agredida por ele. Detalhes informados pelo delegado Vinicius Ferrari apontam ainda que o suspeito teria avançado contra a vítima e arrancou parte do rosto da mulher com uma mordida.

Prisão preventiva

Em decisão que levou em consideração a personalidade periculosa do agressor, devido a gravidade da lesão sofrida pela vítima, o jovem de 19 anos, teve a prisão em flagrante convertida em preventiva pela Justiça alagoana.

*As informações são do Alagoas 24 Horas.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads