Logo Folha de São Paulo
Brasil

Produção de veículos tem a maior alta em nove meses com volta de fábricas e desconto para carros

Avanço registrado em maio, de 7,4%, chega após dois meses de baixa, segundo IBGE

Em | Da Redação com informações de Folha de São Paulo

Atualizado em

Produção de veículos tem a maior alta em nove meses com volta de fábricas e desconto para carros
Governo anuncia corte de impostos para reduzir preço de carros de até R$ 120 mil

Após dois meses em baixa, a produção industrial de veículos automotores, reboques e carrocerias cresceu 7,4% no Brasil em maio ante abril, informou nesta terça-feira (4) o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

É a maior alta do segmento em nove meses, desde agosto de 2022, quando o avanço havia alcançado 13,2%. O novo resultado pode ser associado a pelo menos duas questões, de acordo com André Macedo, gerente da pesquisa do IBGE.

A primeira é a retomada das fábricas que haviam registrado paralisações e férias coletivas em março e abril. A segunda é a preparação do setor para o início do programa federal de descontos para a compra de carros populares.

“São fatores que justificam o crescimento dessa atividade”, afirmou Macedo.

O governo Luiz Inácio Lula da Silva (PT) anunciou corte de impostos para carros populares no dia 25 de maio, após a discussão ganhar repercussão ao longo do mês. Em 13 de maio, a Folha de São Paulo noticiou a preparação do plano de incentivo a esse setor da indústria.

Na pesquisa do IBGE, a atividade de veículos automotores também inclui bens como caminhões. Segundo o instituto, a alta de 7,4% registrada em maio foi uma das principais influências positivas para o avanço de 0,3% da produção industrial brasileira como um todo no período.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads