Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Vereador é preso após entrega ‘atestado médico’, e ser flagrado em churrascaria

Suspeito integraria grupo que desviou R$ 100 milhões em Belém de Maria.

Publicado em

às

Vereador Val de Danda teve a prisão domiciliar revogada (Foto: Reprodução/TJPE)

O vereador Josival Carlos dos Santos (“Val de Danda”), de Belém de Maria, na Mata Sul de Pernambuco, teve a prisão domiciliar revogada nesta terça-feira (2). De acordo com a juíza Vivian Gomes Pereira, ele voltou para o presídio após perder o benefício, porque apresentou um atestado médico e “não estava no médico, mas em uma churrascaria”.

O parlamentar cumpria prisão domiciliar após investigação da “Operação Pulverização” – ele é suspeito de integrar um grupo criminoso que teria desviado R$ 100 milhões da prefeitura, liderado pelo prefeito Valdecir José da Silva, que está foragido há seis meses.

A juíza explicou que motivou a revogação da prisão domiciliar pelo fato do vereador ter apresentado um atestado médico à Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres), quando foi a uma churrascaria na zona norte do Recife confraternizar com outro vereador afastado e o ex-tesoureiro geral da Prefeitura de Belém de Maria, na quarta-feira (27).

Quanto ao vereador afastado e ao ex-tesoureiro geral a juiza manteve o benefício da prisão domiciliar porque, segundo ela, eles estavam sob a tutela do estado enquanto estavam no estabelecimento no Recife. Ela informou que “Val de Danda” foi levado ao Presídio Rorinildo da Rocha Leão, em Palmares nesta terça-feira (2). A magistrada afirmou que ele foi preso inicialmente em 26 de fevereiro.

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10 | O Portal que faz a Diferença.