Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Suzane von Richthofen quer ser pastora ao sair da prisão

Atualmente, ela frequenta a Comunidade Moriá, uma igreja de Taubaté com presença nas penitenciárias de Tremembé

Publicado

em

Suzane von Richthofen, condenada por matar os pais em 2002 com a ajuda do namorado e do cunhado, deixou o presídio de Tremembé em 10 de outubro, por sete dias. A chamada “saidinha” é permitida em alguns feriados do ano.

De acordo com informações da revista Época, ela seguiu para o município de Angatuba, onde vive o seu noivo, Rogério Olberg. Suzane recorreu a um disfarce durante o dia para não ser reconhecida na rua — uma peruca chanel de fios pretos — e usa o segundo nome de batismo: Louise.

O disfarce só desaparece à noite, quando frequenta os cultos da Igreja do Evangelho Quadrangular Central, onde é tratada como celebridade. No dia das mães, Richthofen subiu ao púlpito e falou por aproximadamente 30 minutos sobre arrependimento.

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10. Desenvolvido por avanzzada