Nos siga nas redes sociais

Esportes

STJD acata pedido do Paysandu para anular jogo com Náutico

Despacho emitido por Paulo Salomão garante realização da semifinal entre Juventude e Náutico paralelamente ao julgamento da impugnação do jogo das quartas, disputado dia 8

Publicado em

às

Pênalti a favor do Náutico levou jogo para a disputa da vaga nas penalidades. / Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

O presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, Paulo César Salomão Filho, deu prosseguimento ao pedido do Paysandu de anulação do jogo contra o Náutico, no último domingo, nos Aflitos, que garantiu ao Timbu o retorno à Série B do Campeonato Brasileiro.

Assim, o caso será julgado no STJD, em data ainda não definida. Por outro lado, o presidente do órgão não suspendeu a partida do próximo domingo, entre Juventude e Náutico, em Caxias do Sul, válida pela ida da semifinal da Série C, como também queria a defesa do clube paraense.

“A legitimidade está comprovada, pois trata-se de pessoa jurídica que está participando do campeonato e disputou a partida ora impugnada restando, portanto, comprovado seu interesse. Diante disso, recebo a presente impugnação e determino que se dê imediato conhecimento da instauração do processo ao Presidente da Confederação Brasileira de Futebol, para que não homologue o resultado da partida realizada no dia 08/09/2019, válido pelas quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série C 2019, entre Paysandu e Náutico Capibaribe”, escreveu o presidente do STJD.

No entanto, Paulo César Salomão negou a suspensão da primeira partida da semifinal, alegando que isso traria prejuízo a outras equipes. Vale destacar que a delegação do Náutico seguiu viagem nesta sexta-feira, para Caxias do Sul.

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10 | O Portal que faz a Diferença.