Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Sentença dos 4 réus no caso do Médico Maviael deve sair na madrugada desta sexta

Está previsto para terminar na madrugada desta sexta-feira

Publicado em

às

Está previsto para terminar na madrugada desta sexta-feira (21) o julgamento dos quatros réus acusados de matar o médico Maviael Menezes de Almeida. O crime aconteceu em junho de 2012, na casa do médico em Palmares. Antônio Agostinho Alves Muniz Filho, é acusado de ser o mandante do crime. José Laudiano do Nascimento , Antonio José da Silva Neto e Ednaldo dos Santos Brandão, são acusados de homicídio duplamente qualificado.

Em entrevista ao repórter Alberto Passos da Rádio Cultura dos Palmares o promotor do caso Frederico disse que hoje saia  a sentença “A previsão é que saia durante a madrugada do sábado mais esperamos que todos os quatros sejam condenados pelo crime” O julgamento esta previsto para iniciar ás 9h da manhã.

Veja Também Réus se contradizem em depoimento sobre o assassinato do médico Maviael Menezes

Veja fotos do 1º dia do julgamento do caso do médico Maviael Menezes em Palmares

Debates de Defesa e Acusação

Terminada a chamada fase de instrução nesta quinta(20), ou seja, em que provas são apresentadas, começam os debates, em que acusação e defesa apresentam seus argumentos para tentar convencer os jurados de que os réus são culpados ou inocentes.

O primeiro a falar é o promotor, do caso Dr. Frederico Guilherme de Fonseca Magalhães. que ira apresentar seus argumentos pelo Ministério Público aos jurados pela condenação do réus.

Em seguida, os advogados de defesa falarão ao plenário.Se o MP pedir a réplica, de duas horas, cada defesa poderá fazer a tréplica, também de duas horas.

Concluídos os debates, a juíza pergunta aos jurados se eles estão aptos a julgar o caso. Eles podem tirar dúvidas a qualquer momento durante o júri, mas sem perguntar diretamente – é preciso escrever a dúvida em um papel, que é entregue para que a juíza faça a pergunta.

Sala secreta

Terminados os debates, o júri se reúne em uma sala secreta para responder a quesitos formulados pelo juiz com “sim” e “não”. Eles decidirão se os réus cometeram o crime, se podem ser considerados culpados e se há agravantes ou atenuantes, como ser réu primário. Eles podem permanecer na sala secreta o tempo que acharem necessário.

A juíza deve explicar todos os quesitos e tirar todas as dúvidas. No novo procedimento do júri, os votos dos jurados não são todos contados, para a própria proteção. Assim, se quatro jurados votarem pela condenação, é encerrada a contagem, e não se sabe o que os demais votaram, e vice-versa. De posse do veredicto, a decisão final dos jurados, a juíza dosa a pena com base no Código Penal, se houver condenação. Se houver absolvição, o réu deixa o tribunal livre. A sentença é lida a todos os presentes no Tribunal do Júri, e a sessão é encerrada.

 

 

 

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10 | O Portal que faz a Diferença.