Nos siga nas redes sociais

Esportes

Real Madri humilha Bayern e Guardiola e volta à final da Champions

Chelsea e Atlético de Madri definem às 15h45 desta quarta, em Londres,

Publicado em

às

Foi muito mais fácil do que imaginava. Depois de ter vencido o atual campeão Bayern de Munique por 1 a 0 no duelo de ida, semana passada, na Espanha – pelas chances desperdiçadas poderia ter sido mais -, o Real Madrid abriu 3 a 0 logo no primeiro tempo da partida decisiva, acabou anotando 4 a 0 nesta terça-feira, na Alemanha e se classificou para a grande final da Champions League depois de 12 anos de tentativas frustradas.

Chelsea e Atlético de Madri definem às 15h45 desta quarta, em Londres, o segundo finalista. Na casa do Atlético, houve empate por 0 a 0.

Sergio Ramos abriu o caminho para a vaga na Allianz Arena com dois gols de cabeça em 20 minutos de partida, Cristiano Ronaldo completou antes do intervalo e definiu de pênalti, no finalzinho do jogo. Com 16 tentos, o português se tornou o maior artilheiro em uma só edição da competição. O time de Pep Guardiola precisava de cinco gols para reverter a situação até o segundo de Ronaldo, mas pouco levou perigo na segunda etapa.

Jogadores do Real correm para comemorar com Ronaldo o terceiro tento do time espanhol na partida
Jogadores do Real correm para comemorar com Ronaldo o terceiro tento do time espanhol na partida

Maiores vencedores da história do torneio, os madrilenhos sonham com o décimo troféu de campeão europeu desde 2002. Passaram pelo comando do Real desde então 11 treinadores diferentes, entre eles Vicente Del Bosque, Vanderlei Luxemburgo, Fabio Capello e José Mourinho e coube a Carlo Ancelotti a primazia de colocar o time branco de volta em uma decisão de Champions.

 Ancelotti que jamais perdeu do Bayern em sua história, com seis vitórias e dois empates e que ganhou em três das quatro partidas que fez em Munique. Era o técnico de que precisa o Real, derrotado em nove de dez visitas à cidade – empatou outra – e também com péssimo retrospecto contra os demais times da Alemanha, somando 19 derrotas, cinco empates e agora três vitórias em encontros com adversários germânicos. O Italiano é bicampeão da Champions com o Milan em 2003 e 2007.

A nota negativa para os madrilenhos é o fato de que Xabi Alonso, punido com o terceiro cartão amarelo, está suspenso da final, dia 24 de maio, em Lisboa. Chance para o ex-são-paulino Casemiro? Ele foi colocado em campo durante o confronto desta terça.

Terceiro colocado e na briga também pelo título do Campeonato Espanhol, com 82 pontos, seis a menos que o líder Atlético de Madri e com uma partida a menos, o Real Madrid recebe o Valencia no próximo domingo. O Bayern venceu o Alemão com antecedência recorde e cumpre tabela no sábado que vem, diante do Hamburgo, fora de casa. Os comandados de Guardiola ainda podem vencer a Copa da Alemanha, em 17 de maio, contra o Borussia Dortmund, em Berlim.

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10 | O Portal que faz a Diferença.