Nos siga nas redes sociais

Empregos

Governo de Pernambuco vai pagar metade do salário mínimo de novos contratados

Publicado em

às

Paulo Câmara sanciona programa que vai gerar 20 mil vagas de trabalho em Pernambuco

O governador Paulo Câmara sancionou, nesta quarta-feira (22), a lei que incentiva a geração de empregos e renda em Pernambuco, por meio do programa Emprego PE.

O objetivo do programa é o de subsidiar metade de um salário mínimo (R$ 550) para novos funcionários de empresas pernambucanas, por um período de seis meses. Para o programa, foram investidos R$ 66 milhões, com a previsão de gerar 20 mil empregos.

As inscrições no projeto começam a partir do dia 27 deste mês, por meio do site www.empregope.pe.gov.br. O Emprego PE faz parte do Plano Retomada do Governo do Estado e já havia sido anunciado no início do mês de agosto.

De acordo com o governador Paulo Câmara, o programa tem o objetivo de movimentar a economia pernambucana. “Essa foi uma construção coletiva, envolvendo diversas áreas do governo. Queremos os empregos de imediato, que seja rápido para ampliar se for necessário. A geração de empregos é fundamental, amplia a condição de distribuição de renda, movimenta comércio e serviços movimentando a economia”, disse.

Para participar do programa, as empresas devem ser sediadas em Pernambuco e ter mais de um ano de funcionamento. Segundo o diretor-presidente da Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper), Roberto Abreu e Lima, as empresas que aderirem não vão poder alterar o quadro de funcionários.

“As empresas devem permanecer com o quadro atual e gerar novos empregos a partir do programa, não poderá reduzir o quadro. O benefício será de R$ 550 pagos mensalmente a cada funcionário e cada empreendedor poderá gerar até 30 empregos”, disse.

O Emprego PE vai ainda beneficiar a inserção de estudantes recém-formados no mercado de trabalho. Serão incluídos no programa egressos do Sistema Público de Educação e do Sistema S.

O processo será dividido em três etapas, começando pelas inserções das micro e pequenas empresas cadastradas no Simples Nacional.

De acordo com o secretário de Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes, o valor será depositado na conta da empresa, beneficiando os trabalhadores. “É uma ação para levar o trabalho, o apoio ao empreendedor e empresário do Estado. Estaremos com as agências do trabalho a disposição para orientar para cadastro e auxiliar como for possível”, declarou.

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10 | O Portal que faz a Diferença.