Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Polícia Federal divulga novas medidas de segurança no Aeroporto do Recife

Polícia reforça pedido para passageiro chegar duas horas antes do voo.

Publicado em

às

Novas medidas de segurança no Aeroporto Internacional do Recife (Foto: Marlon Costa Lisboa/Pernambuco Press)

A Polícia Federal em Pernambuco divulgou, nesta terça-feira (19), um comunicado para ajudar os passageiros que embarcarão em voos domésticos e internacionais, partindo do Aeroporto do Recife, e para tirar dúvidas sobre as novas medidas de fiscalização implantadas desde segunda (18). No documento, a PF explica os procedimentos que estão sendo adotados para garantir a segurança nos transportes aéreos e reforça a orientação para as pessoas que vão passar pelo terminal.

Por precaução, a PF voltou a recomendar que os passageiros cheguem aos aeroportos de todo o Brasil com duas horas de antecedência. Na fila de inspeção, por exemplo, solicitou que as pessoas podem adiantar e tirar cintos e demais objetos metálicos antes de passar pelo pórtico de Raio-X.

As novas medidas entraram em vigor faltando poucos dias para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, diante de casos de terrorismo. Nas primeiras horas de inspeção no Recife, na segunda-feira, passageiros relataram filas um pouco maiores do que o normal, mas concordaram com as determinações.

A nota da PF informa, por exemplo, que as revistas físicas serão feitas por um Agente de Proteção da Aviação Civil (Apac) do mesmo sexo do passageiro que estiver passando no momento pelo setor de embarque. Esse procedimento será adotado mesmo que o alarme do equipamento de Raio-X não tenha disparado.

A Polícia Federal deixa claro que a revista poderá ocorrer em local público ou reservado. A decisão final será do passageiro e dos Agentes de Proteção. O procedimento será realizado na presença de uma testemunha.

Agora, nos voos domésticos, todas as mochilas incluídas como bagagem de mão deverão passar, de forma obrigatória, pelos pórticos de Raio-X. Essa medida já era adotada nos embarques internacionais.

A PF alerta que a inspeção manual dos pertences de mão pode ser solicitada pelas autoridades do terminal. Caso isso ocorra, na passagem pelos equipamentos de imagem, o passageiro deverá abrir a bagagem. Quem se negar, será proibido de ficar no setor.

Por causa das medidas, é exigida a retirada de computadores portáteis das bagagens de mão. Os equipamentos precisam ser colocados em uma bandeja específica, diferente do local onde serão depositados os demais objetos. É que a presença do notebook dificulta a visualização dos demais itens no interior da bagagem durante a inspeção pelo equipamento de Raio-X.A Polícia Federal informou, ainda, que crianças também estão sujeitas a passar pela revista física. Alegando questões de segurança, a PF não informa a idade limite.

A polícia assegura que todos os passageiros, incluindo as autoridades, deverão passar pelas revistas. Até mesmo quem viaja com assistência especial.

A corporação esclarece que não haverá revista íntima. Em caso de detecção do objeto suspeito, os agentes solicitarão uma verificação detalhada.  A PF poderá encaminhar a pessoa para esclarecimentos, caso seja necessário.

Fila no Aeroporto Internacional do Recife (Foto: Marlon Costa Lisboa/Pernambuco Press)

 

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10 | O Portal que faz a Diferença.