Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Padre argentino próximo do Papa sofre assalto violento

Presidente da Pastoral Social, Accaputo sofreu um roubo no último sábado, quando saía de sua casa no bairro de Flores

Publicado

em

ás

O padre Carlos Accaputo, colaborador próximo durante 15 anos do Papa Francisco em Buenos Aires, sofreu um assalto violento na capital argentina, informou nessa quarta-feira uma fonte legislativa.

Presidente da Pastoral Social, Accaputo sofreu um roubo no último sábado, quando saía de sua casa no bairro de Flores. O fato se tornou conhecido somente quando Cristian Ritondo, vereador da cidade, publicou no Twitter uma foto do padre com um curativo no nariz.

“A violência e a barbárie dos delinquentes não respeita nada, nem ninguém. O rosto do p. Accaputo mostra isso”, escreveu Ritondo. A foto foi tirada em um evento que celebrava o aniversário de um ano da eleição de Francisco.

Accaputo conheceu o Papa quando era sacerdote de Flores. Como presidente da Pastoral Social, é encarregado de lidar com políticos, sindicalistas e dirigentes sociais.

Violentos assaltos, às vezes culminando em assassinatos, têm sido comum na capital argentina, especialmente na periferia, onde 60 pessoas morreram em 75 dias, segundo a imprensa local.

AFP

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10.