Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

OAB pede que todos passem por detector de metais nas cortes do Brasil

Após Janot dizer que planejou matar Gilmar Mendes, Ordem dos Advogados do Brasil defende que o STF determine a inspeção de todos os magistrados em cortes de todo o País

Publicado em

às

OAB pede que todos passem por detector de metais nas cortes do Brasil

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) emitiu nota em que condena as declarações do ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot, que afirmou a intenção de matar o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes. Em entrevista à Rádio Jornal, o presidente da Ordem dos Advogados de Pernambuco, Bruno Baptista, defendeu que magistrados também se  submetam à inspeção com o uso de detector de metais .

“Eu acho que o Supremo Tribunal Federal deve ser sempre protegido, os seus ministros têm que ser protegidos porque realmente é a defesa da instituição. O fato, inclusive, do próprio Janot declarar isso agora é um negócio que não tem muito sentido, muita lógica. Eu acho que precisa ter cuidado”, afirmou Bruno Baptista.

Em nota, a Ordem dos Advogados do Brasil pediu ao Supremo Tribunal Federal que determine às cortes de todo o País que submetam à inspeção com o uso de detector de metais todos os membros do Ministério Público, da advocacia e da magistratura. A ação direta de inconstitucionalidade é uma reação à declaração do ex-procurador-geral Rodrigo Janot, que afirmou ter chegado a planejar, em 2017, assassinar a tiros o ministro do Supremo Gilmar Mendes.

Atualmente, o Supremo Tribunal Federal (STF) proíbe a entrada de pessoas portando qualquer tipo de arma, mas autoridades que ingressam nas instalações do tribunal – como parlamentares, governadores e procuradores-gerais da república – não passam por detectores de metais, já que utilizam um acesso restrito, diferente daquele usado pelo público comum.

Segundo a entidade, em ação assinada pelo presidente, Felipe Santa Cruz, a legislação prevê que todas as pessoas passem pela inspeção.

A Polícia Federal fez buscas na casa e no escritório de advocacia do ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot, em Brasília, na última sexta-feira.

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10 | O Portal que faz a Diferença.