Brasil
Mulher morta pelo marido com mata-leão fez desabafo na web horas antes do crime: 'Um dia a gente aprende'
Corpo de Aline Gonzales foi encontrado em um canavial de Fernandópolis (SP). Bruno Leal confessou à polícia que matou a mulher por ciúme.
Publicada em 09 de julho de 2020 às 11:08:57.
Por: Marcos André | Fonte: G1


A mulher de 30 anos que foi morta asfixiada pelo marido e teve o corpo abandonado em um canavial, em Fernandópolis (SP), usou as redes sociais horas antes de ser assassinada para fazer um desabafo: “Um dia a gente aprende”, escreveu Aline Gonzales, que era mãe de dois filhos pequenos.

O crime foi cometido na noite de terça-feira (7). O marido dela foi preso no bairro Eldorado, em São José do Rio Preto (SP). Bruno Leal, de 31 anos, confessou à polícia que matou a mulher por ciúme.



De acordo com a Polícia Civil, Bruno já tinha agredido e ameaçado a vítima e parentes delas nos últimos meses. Ele estava sendo investigado em liberdade.

“Observamos que ele praticou lesão corporal na vítima em janeiro. Ele foi autuado em flagrante e, segundo consta, foi liberado na audiência de custódia. Já no ano passado, ele agrediu a mãe da vítima e ameaçou a irmã dela”, afirma o delegado Oreste Carósio Neto.

Nas redes sociais, familiares e amigos lamentaram a morte de Aline e fizeram as últimas homenagens. Um primo escreveu “quantas e quantas vezes te avisei” e que “Deus te receba de braços abertos. Você foi e sempre será uma guerreira”.



Whatsapp PortalPE10 9 9974-3875 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você
Tags: Cotidiano,Brasil, PortalPE10
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.
2020 © Copyright. Todos os Direitos Reservados