Brasil
Imagens fortes: Flávio Bolsonaro posta autópsia de miliciano
O senador publicou as imagens no perfil do Twitter. Ele insinuou que Adriano da Nóbrega foi torturado e mostrou a gravação para "comprovar"
Publicada em 18 de fevereiro de 2020 às 17:00:22.
Por: Marcos André | Fonte: G1



O senador Flávio Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro, publicou um vídeo que seria da autópsia realizada no corpo do miliciano Adriano da Nóbrega, morto no último dia 9 em uma operação policial na cidade de Esplanada, na Bahia. As imagens foram postadas na conta oficial do parlamentar no Twitter.

 O senador afirma, na legenda, que existem claros sinais de tortura contra o miliciano. O governador da Bahia, Rui Costa (PT) e a Secretaria de Segurança Pública do estado afirmam que o miliciano foi morto ao reagir com tiros ao ver os policiais se aproximando. O advogado de Adriano, Paulo Emílio Catta Preta, afirmou que o cliente temia ser alvo de queima de arquivo.

Adriano era ligado ao senador Flávio Bolsonaro, tendo sido homenageado por ele na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). O parlamentar também empregou no gabinete, quando era deputado estadual, a ex-mulher e a mãe do miliciano. No vídeo, é possível ver o corpo sendo avaliado pelo legistas. "Perícia da Bahia (governo PT), diz não ser possível afirmar se Adriano foi torturado. Foram 7 costelas quebradas, coronhada na cabeça, queimadura com ferro quente no peito, dois tiros a queima-roupa (um na garganta de baixo para cima e outro no tórax, que perfurou coração e pulmões", escreveu 




Tags: Cotidiano,Brasil, PortalPE10
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.
2020 © Copyright. Todos os Direitos Reservados