Brasil
Brasil não colocaria algemas em deportados como EUA fizeram com brasileiros, diz Bolsonaro
Brasileiros deportados dos EUA viajaram com algemas nos pés e nas mãos
Publicada em 26 de janeiro de 2020 às 15:07:17.
Por: Marcos André | Fonte: Estadão



O presidente Jair Bolsonaro afirmou neste domingo (26.jan.2020) que o Brasil não colocaria algemas em imigrantes deportados como o governo dos Estados Unidos, presidido por Donald Trump, fez com os brasileiros.

“Obviamente, nós não faríamos isso com ninguém, saindo do Brasil para qualquer país”, disse o presidente, que está em Délhi em visita oficial à Índia.



O governo brasileiro tem facilitado a deportação de cidadão que vivem em condições irregulares no país. Na 6ª feira (24.jan.2020), 1 grupo de cerca de 50 brasileiros foi deportado do país norte-americano. Foi o 2º voo do tipo autorizado pelo governo Bolsonaro. Em outubro de 2019, chegou um 1º com pelo menos 60 pessoas.

Os brasileiros deportados desta vez vieram em 1 voo fretado pelos EUA que saiu de El Paso, no Texas, e pousou em Belo Horizonte na madrugada de sábado (25.jan.2020). Eles relataram que tiveram de viajar com algemas nos pés e nas mãos.

O Brasil não aceitava voos fretados com deportados desde 2006. O Itamaraty alterou a política depois de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) naquele ano, que investigou os casos.

Indagado sobre as condições dos brasileiros, o presidente apenas respondeu: “Pergunta para o Trump”.Nesse sábado (25.jan), Bolsonaro havia dito que era direito de qualquer país deportar imigrantes ilegais e que entendia política do país norte-americano.

Cerca de 50 brasileiros deportados dos Estados Unidos desembarcaram, nesta sexta-feira (24), no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte. Todos vieram da cidade de El Paso, no Texas.

Os brasileiros tentaram entrar ilegalmente nos Estados Unidos, pelo México. No entanto, foram descobertos e estavam presos. “Nunca mais. Não tenho inimigos, mas, se tivesse, não desejaria isso para eles”, declarou Renê Lima, ao Estado de S. Paulo. Ele afirmou que muitos passageiros viajaram algemados, nas mãos e pés.

Um grupo de aproximadamente 50 brasileiros deportados dos Estados Unidos desembarcou na noite desta sexta-feira, 24, por volta das 23h30 no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, vindo da cidade de El Paso, no Texas. Todos tentaram entrar ilegalmente nos Estados Unidos, via fronteira com o México, foram detidos e estavam presos. “Nunca mais. Não tenho inimigos, mas, se tivesse, não desejaria isso para eles”, disse Renê Lima, de Parauapebas, no Pará, ao desembarcar em Confins. O paraense afirma que muitos passageiros viajaram algemados, nas mãos e pés.



Whatsapp PortalPE10 9 9974-3875 - Canal direto com nossa redação - Envie sua solicitação que uma equipe nossa irá atender você
Tags: Politica, Governo, Bolsonaro,
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.
2020 © Copyright. Todos os Direitos Reservados