Brasil
Publicada em 06 de dezembro de 2018 às 08:59:06. Atualizada em 06 de dezembro de 2018 às 09:00:46.
Assassinato de cachorra gera mais comoção que de jovem de periferia assassinado a tiros por um segurança
Abaixo-assinado online para homenagear skatista assassinado rendeu 5 mil assinaturas, enquanto petição da cachorra conta com mais de 1,7 milhão
Por: Marcos André | Fonte: R7



Resultado de imagem para Assassinato de cachorra CARREFOUR G1

A comoção nas redes sociais, com compartilhamentos e engajamentos, mostrou que a morte da cachorra, vítima de golpes com uma barra de alumínio de um segurança do Carrefour de Osasco (SP), sensibilizou mais os internautas que o adolescente assassinado a tiros por um segurança de posto de combustível na Vila Formosa (zona leste da capital). Os crimes aconteceram em situações que guardam alguma semelhança pelas circunstâncias e pela participação de seguranças.

A cachorra vira-lata morreu no supermercado no último dia 28 de novembro. O skatista Marcos Tonioli, conhecido como Suco, 17 anos, estava andando de skate com amigos no posto de combustível, no dia 28 de março, quando um segurança incomodado com a presença do grupo tentou expulsá-los. Os amigos de Suco discutiram com o funcionário e, quando o jovem teria tentado apaziguar, levou dois tiros nas costas.



A morte do skatista foi noticiada por vários veículos. Nenhuma reportagem, no entanto, teve a mesma repercussão que as da cachorra. As pessoas comovidas pela morte de Suco também criaram um abaixo-assinado online para realizar uma homenagem póstuma ao jovem. A petição foi assinada por 5.189 pessoas. O mesmo aconteceu com a cachorra: pessoas comovidas organizam abaixo-assinado online pedindo a prisão do segurança: em três dias atingiu mais de 1,7 milhão de assinaturas, e não para de crescer.

Tags: Cotidiano, Brasil
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.
2018 © Copyright. Todos os Direitos Reservados