Brasil
Publicada em 08 de outubro de 2018 às 16:47:29. Atualizada em 08 de outubro de 2018 às 16:47:29.
Homem é morto com 12 facadas na BA após revelar voto no PT
Mestre de capoeira é morto com 12 facadas após dizer que votou no PT, em Salvador
Por: Bruna Cavalcante | Fonte: G1


Um homem foi morto com 12 facadas nas costas, em um bar no Engenheiro Velho de Brotas, na região central de Salvador, na madrugada desta segunda-feira. Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP-BA), o mestre de capoeira Romualdo Rosário da Costa, de 63 anos, conhecido como Moa do Katende, foi atacado após uma discussão política.

O autor do crime, identificado como Paulo Sérgio Ferreira de Santana, de 36 anos, foi preso em flagrante pela Polícia Militar.



A confusão teria começado por volta das 2h40, após um homem gritar palavras de apoio ao candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL). O mestre de capoeira teria respondido que, ali, as pessoas preferiam o Partido dos Trabalhadores (PT). Ainda de acordo com a SSP-BA, a perícia analisou o corpo da vítima e constatou que foram desferidas 12 facadas na região das costas. De acordo com as primeiras informações, o agressor e a vítima não se conheciam antes do fato.

"O autor de um homicídio, na madrugada desta segunda-feira (8), em Salvador, contra um mestre de capoeira, alegou discussão política como motivação do crime", afirma a SSP-BA em um comunicado.

 Paulo Sérgio Ferreira de Santana, 36 anos, se diz arrependido do crime e contou à polícia que chegou a pedir desculpas para a família da vítima.

De acordo com informações de testemunhas, a vítima estava em um bar perto de casa, no bairro do Engenho Velho de Brotas, quando discutiu o suspeito por se posicionar contra o candidato Jair Bolsonaro.

Após o desentendimento, o autor do crime foi até em casa, saiu do estabelecimento, buscou uma faca em sua residência e retornou ao bar. No local, Paulo deu facadas, nas costas de Romualdo, que estava sentado, e um golpe com a mesma arma branca, no braço de Germínio. Moa do Catendê morreu, no local, e o seu parente foi socorrido para o Hospital Geral do Estado (HGE), onde está internado.


  


Tags: Cotidiano,Brasil
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.
2018 © Copyright. Todos os Direitos Reservados