Brasil

Professora vai visitar mãe e é encontrada morta perto de córrego

Em | Da Redação

Atualizado em

Professora vai visitar mãe e é encontrada morta perto de córrego
Reprodução/ Redes Sociais

Ellida Ferreira, de 26 anos, foi encontrada morta na manhã dessa segunda-feira (7/11) após ter saído de casa para visitar a mãe. O corpo da professora estava perto de um córrego na zona leste de São Paulo. A Polícia Civil investiga o caso.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), a investigação está sendo conduzida pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) para esclarecer as circunstância da morte. Foram solicitados exames ao Instituto de Criminalística (IC) e ao Instituto Médico Legal (IML).

A vítima estava desaparecida desde às 19h55 de sábado (5/11), segundo parentes. A mulher foi vista pela última vez na Rodoviária do Tietê, na capital paulista, de onde teria partido para ir encontrar mãe, em Campinas, no interior do estado. Porém, Ellida não chegou ao local.

Familiares da professora chegaram a divulgar nas redes sociais seu desaparecimento e pedir informações que pudessem ajudá-los a encontrá-las. Porém, um irmão da vítima anunciou na manhã dessa segunda (7/11) que a busca tinha chegado ao fim.

“Obrigado a todos que compartilharam. Minha irmã foi encontrada sem vida, que a justiça de Deus seja feita”, lamentou Valdir Anderson Lima.

Nascida em Campinas, a professora morava em São Paulo, era casada e tinha um filho recém-nascido.

Com informações :Metrópoles

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads