Brasil

Por 304 votos a 136, Câmara dos Deputados aprova volta do DPVAT

Projeto mantém a gestão do DPVAT com a Caixa Econômica Federal. Texto segue para o Senado Fonte: Agência Câmara de Notícias

Em | Da Redação

Atualizado em

Por 304 votos a 136, Câmara dos Deputados aprova volta do DPVAT
Projeto mantém a gestão do DPVAT com a Caixa Econômica Federal. Texto segue para o SenadoFonte: Agência Câmara de Notícias

A Câmara dos Deputados aprovou projeto que reformata o seguro obrigatório de veículos terrestres, mantendo com a Caixa Econômica Federal a gestão do fundo para pagar as indenizações. O Projeto de Lei Complementar (PLP) 233/23, do Poder Executivo, será enviado agora ao Senado.

O texto foi aprovado na forma de um substitutivo do relator, deputado Carlos Zarattini (PT-SP), que retoma o pagamento de despesas médicas da vítima dos acidentes com veículos; e direciona entre 35% e 40% do valor arrecadado com o prêmio do seguro pago pelos proprietários de veículos aos municípios e estados onde houver serviço municipal ou metropolitano de transporte público coletivo.

Desde 2021, a Caixa opera de forma emergencial o seguro obrigatório após a dissolução do consórcio de seguradoras privadas que administrava o DPVAT, mas os recursos até então arrecadados foram suficientes para pagar os pedidos até novembro do ano passado.

Com a nova regulamentação, será possível voltar a cobrar o seguro obrigatório. Os prêmios serão administrados pela Caixa em um novo fundo do agora denominado Seguro Obrigatório para Proteção de Vítimas de Acidentes de Trânsito (SPVAT).

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads