Pernambuco

Polícia Federal prende duas mulheres com quase 9 quilos de cocaína no Aeroporto do Recife

Em | Da Redação

Atualizado em

Polícia Federal prende duas mulheres com quase 9 quilos de cocaína no Aeroporto do Recife

Duas mulheres foram presas assim que desembarcaram no Aeroporto do Recife com cocaína. Elas não estavam juntas e foram detidas por policiais da Polícia Federal em momentos diferentes.

A primeira mulher foi presa com cocaína no dia 2 de junho. Ela tem 26 anos e é mãe de três filhos, o mais novo deles com 5 meses. A mulher veio ao Recife em um voo procedente de Cuiabá-MT, onde ela reside.

Ao descer no Aeroporto do Recife, a mulher mostrou nervosismo e foi abordada por policiais federais. Ao ser interrogada, entrou em contradição e passou por uma revista. Ela estava com 4,1 quilos de cocaína amarradas em sua perna.

Depois de presa, confessou que foi recrutada em Cuiabá para trazer a cocaína até Recife, onde entregaria a uma pessoa não informada. Pelo transporte da droga, a mulher contou que iria receber R$ 4 mil.

Ela foi autuada por tráfico interestadual de drogas e associação para o tráfico e caso seja condenada poderá pegar penas que variam de 5 a 20 anos de reclusão. Além da cocaína também foi apreendido um aparelho celular.

SEGUNDA APREENSÃO DE COCAÍNA

A segunda mulher, uma vendedora de roupas, foi presa no Aeroporto do Recife no dia seguinte, 3 de junho. Segundo a Polícia Federal, ela tem 31 anos, mora em Ananindeua-PA e estava com 4,6 quilos de cocaína escondidos nas laterais de sua mala.

Em seu interrogatório, ela informou ter pego a cocaína em São Paulo, mas não disse com quem. O avião faria uma conexão do Recife e ela tentaria embarcar com a cocaína para Lisboa, em Portugal.

O destino final da cocaína era Paris, na França. Para entregar a droga, a vendedora informou que iria receber R$ 12 mil e que aceitou levar a mala com a cocaína para a Europa por estar passando por um momento financeiro difícil.

 

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads