Pernambuco

Polícia faz operação contra grupos ligados ao PCC e ao Comando Vermelho em PE

Em | Da Redação

Atualizado em

Polícia faz operação contra grupos ligados ao PCC e ao Comando Vermelho em PE
Policiais civis cumprem mandados dentro da operação Foto: Reprodução/WhatsApp

 

Uma operação deflagrada pela Polícia Civil de Pernambuco, na manhã desta quarta-feira (15), está cumprindo 21 mandados de prisão contra duas facções criminosas que atuam nos municípios do Cabo de Santo Agostinho e em Ipojuca, no Litoral Sul. Segundo as investigações, um dos grupos tem como base a praia de Porto de Galinhas, cartão-postal do Estado.

A investigação foi iniciada em dezembro de 2021, por causa do alto índice de homicídios nos dois municípios. A polícia descobriu que os crimes eram praticados por causa de uma forte e violenta disputa por território entre a facção CLS (antiga Trem Bala), que tem ligação com o Comando Vermelho (do Rio de Janeiro), e outro grupo, que teria parceria com o Primeiro Comando da Capital (PCC), de São Paulo. Por isso, a operação foi denominada “Zelos”, que, na mitologia grega, é o deus da rivalidade.

Ambos os grupos criminosos são especializados no tráfico de drogas. Em relação à CLS, a polícia identificou que dezenas de homicídios no Cabo e em Ipojuca, nos dois últimos anos, foram praticados por integrantes da facção. Integrantes também teriam adquirido armas de fogo desviadas por policiais da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) da Polícia Civil de Pernambuco

Já o outro grupo, cujo nome ainda é investigado, também é acusado de parte dos homicídios nas duas cidades. Além disso, atua no comércio ilegal de armas de fogo, roubos e furtos.

As investigações revelaram também que detentos continuam exercendo papéis de liderança nos grupos, o que reforça a falta de segurança no sistema prisional pernambucano. Observou-se também que só um dos criminosos teria confessado mais de 30 assassinatos.

As informações são do JC Online

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads