Pernambuco

PF prende cinco pessoas da mesma família suspeitas de usar ‘idosos de aluguel’ em PE

Em | Da Redação

Atualizado em

PF prende cinco pessoas da mesma família suspeitas de usar ‘idosos de aluguel’ em PE

 

Cinco pessoas da mesma família foram presas por suspeita de desviar mais de R$ 3,3 milhões em aposentadorias fraudulentas, usando “idosos de aluguel”. Segundo a Polícia Federal (PF), essas pessoas se passavam por outras para conseguir benefícios fraudulentos junto ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

De acordo com a Polícia Federal, os idosos “se apresentavam ao INSS utilizando documentos falsos em nome de pessoas fictícias”. A PF informou que o prejuízo evitado supera R$ 30 milhões.

Os cinco mandados de prisão foram cumpridos em Igarassu, no Grande Recife. Houve, ainda, o cumprimento de 24 mandados de busca e apreensão nas seguintes cidades:

Águas Belas, no Agreste: 13;
Igarassu, no Grande Recife: 5;
Recife: 3;
Garanhuns, no Agreste: 2;
Campinas (SP): 1.
Os investigados não tiveram o nome divulgado. Eles vão responder pelos seguintes crimes, com penas que podem ultrapassar 35 anos de prisão:

Organização criminosa;
Estelionato majorado;
Falsificação de documento público;
Uso de documento falso;
Lavagem de capitais.

A operação foi chamada de “Grife” porque a Polícia Federal descobriu que os investigados lavavam dinheiro por meio de empresas de artigos de luxo. Além disso, segundo a PF, por causa do fato de grife ser a “marca” de artigos de luxo, e a dos suspeitos nesse caso ser a fraude previdenciária.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads