Pernambuco Política

Pesquisa: Marília tem 36% e se consolida no 1º lugar; Raquel e Anderson empatam com 15%

Em | Da Redação

Atualizado em

Pesquisa: Marília tem 36% e se consolida no 1º lugar; Raquel e Anderson empatam com 15%
(Foto: Montagem/PortalPE10/Divulgação)


Foto: Reprodução Internet

De acordo com nova pesquisa da Real Time Big Data, divulgada nesta quarta-feira, a candidata ao governo de Pernambuco Marília Arraes (SD) ampliou pontos percentuais, consolidando seu nome como a preferida entre o eleitorado pernambucano, com 36%. A disputa pelo segundo lugar permanece acirrado, com Raquel Lyra (PSDB) e Anderson Ferreira (PL) atingindo 15% das intenções de voto. O candidato do PSB, Danilo Cabral permanece com 12%, enquanto Miguel Coelho (UB) tem 8%. A pesquisa ouviu 1.000 pessoas entre os dias 12 e 13 de setembro de 2022 e tem uma margem de erro de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número PE-03359/2022 e com um nível de confiança de 95%, a pesquisa estimulada, comparada com levantamento divulgado em oito de agosto, apresenta um crescimento percentual de 8% da candidata Marília Arraes, que antes tinha 28%, e agora desfruta de 36% das intenções de voto em Pernambuco. Disputando o segundo lugar surgem Raquel Lyra e Anderson Ferreira que oscilaram um ponto para cima, com 15%, antes os dois postulantes tinham 14%.

Candidato de Lula em Pernambuco, Danilo Cabral permanece com os mesmos 12%, no entanto, levando em consideração a margem de erro, o socialista também integra o grupo dos prováveis nomes que podem disputar o segundo turno com Marília, já que empata tecnicamente com Raquel e Anderson. Por outro lado, Danilo também empata com Miguel Coelho, que alcançou 8%, oscilando um ponto para baixo, se comparado com a última pesquisa, quando o ex-prefeito de Petrolina tinha 9%.

Na sequência, surgem Pastor Wellington (PTB) e João Arnaldo (PSOL), com 1%, mesma pontuação alcançada anteriormente. Cláudia Ribeiro (PSTU), Jadilson Bombeiro (PMB), Jones Manoel (PCB) e Ubiracy Olímpio (PCO) não pontuaram. Dos eleitores e eleitoras ouvidos na pesquisa, 5% disseram que votariam nulo ou branco, 7% não souberam responder.

Na pesquisa espontânea, quando os nomes dos candidatos não são apresentados ao eleitorado, Marília Arraes permanece em 1º lugar, desta vez com 22%. Enquanto isso, Raquel Lyra tem 10%, seguida de Anderson Ferreira e Danilo Cabral, com 9% e 6%, respectivamente. Miguel Coelho alcança 4%.

Rejeição
Apoiador de Bolsonaro em Pernambuco, Anderson Ferreira é o candidato mais rejeitado entre o eleitorado pernambucano, liderando o ranking com 34%. Pontuando em segundo lugar, surgem Danilo Cabral, com 33%, Marília Arraes, com 27%, e Pastor Wellington, 24%. Raquel Lyra e Miguel Coelho alcançam 19% e 17%, respectivamente, no índice de rejeição.
João Arnaldo tem 15%, seguido de Cláudia Ribeiro, Jones Manoel e Ubiracy, com 14%, cada. Encerrando o ranrking, Jadilson Bombeiro é o candidato com menor porcentagem de rejeição, tendo 13%.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads