Brasil Esportes

Pelé está com infecção respiratória, segundo boletim médico

Em | Da Redação

Atualizado em

Pelé está com infecção respiratória, segundo boletim médico
(Foto: Divulgação)

Internado no Hospital Albert Einstein desde a última terça-feira (29), Pelé teve diagnosticada uma infecção respiratória, segundo boletim médico divulgado nesta sexta-feira (2).

O Rei do Futebol passa por uma reavaliação periódica desde que iniciou o tratamento de um tumor no cólon identificado em setembro de 2021. Ainda não há previsão de alta.

Pelé foi diagnosticado com câncer em setembro de 2021, ao fazer exames de rotina no Einstein. Na ocasião ele passou por cirurgia para retirada do tumor e voltou para casa depois de um mês. Desde então ele faz tratamento quimioterápico, tendo que voltar ao centro médico todo os meses para fazer exames periódicos de acompanhamento.

No ano passado, durante o mês de internação para a cirurgia, Pelé chegou a ser levado algumas vezes à UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Segundo o boletim divulgado na época, o craque teve uma instabilidade respiratória.

“Edson Arantes do Nascimento foi internado no Hospital Israelita Albert Einstein na última terça-feira (29) para uma reavaliação da terapia quimioterápica do tumor de colón identificado em setembro de 2021. A equipe médica diagnosticou uma infecção respiratória, que vem sendo tratada com antibióticos. A resposta tem sido adequada e o paciente, que segue em quarto comum, está estável, com melhora geral no estado de saúde. O ex-jogador continuará internado nos próximos dias para continuidade do tratamento”.

Em setembro de 2021, Pelé foi ao hospital fazer seus exames de rotina anuais, que estavam atrasados por causa da pandemia. Durante a bateria de testes, os médicos descobriram um tumor no cólon direito, na região do intestino grosso, e então foi decidido pela operação.

O Rei do Futebol foi diagnosticado com uma infecção urinária em fevereiro desde ano, durante outra bateria de exames de rotina. Ficou internado por duas semanas até ser curado e receber alta.

Antes do câncer, nos últimos anos Pelé já havia passado por algumas cirurgias no quadril e por outros problemas de saúde, o que dificulta principalmente sua locomoção. Seu filho Edinho chegou a dizer que as limitações teriam deixado o Rei deprimido. De modo geral, desde a pandemia o tricampeão mundial tem diminuído suas aparições públicas.

*As informações são da Folhapress

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads