Entretenimento

Participante de ‘Largados e Perdidos’ é encontrada morta em circunstâncias misteriosas. Entenda

Em | Da Redação

Atualizado em

Participante de ‘Largados e Perdidos’ é encontrada morta em circunstâncias misteriosas. Entenda
FOTO: DISCOVERY/REPRODUÇÃO

Participante do reality show “Largados e Pelados”, da Discovery Channel, Melaine Rauscher foi encontrada morta no último dia 17 de julho em circunstâncias misteriosas.

A norte-americana tinha 35 anos e serviu a Marinha dos Estados Unidos na Guerra do Iraque. No programa, ficou conhecida pelo amor à natureza e pelos esportes.

No programa de TV, ela participou de uma dinâmica em que um homem e uma mulher são deixados numa localização remota sem roupas, comida, água ou qualquer outro tipo de suprimento. Assim, unem esforços para sobreviver em médio à natureza.

Como morreu Melaine Rauscher

O corpo de Melaine Rauscher foi encontrado deitado na cama do quarto de hóspedes da casa de amigos, localizada em Prescott, no estado do Arizona. Ela cuidava dos cachorros.

Próximo dela, estavam algumas latas de ar comprimido usadas para tirar poeira de computadores. Os objetos chamaram atenção dos investigadores, mas ainda não se sabe a relação deles com a morte.

Melaine Rauscher nasceu na Filadélfia, maior cidade do estado da Pensilvânia, onde foi criada pelos pais com três irmãs.

A americana estudou numa universidade da Virgínia antes de ingressar na Marinha dos Estados Unidos, sendo enviada para a base americana do Iraque na guerra que durou de 2003 a 2011.

Amigos de ‘Largados e Perdidos’ lamentam morte de Melaine Rauscher

“Mel era uma atleta apaixonada e estava profundamente com as ligas esportivas locais. Ela era profundamente fã dos Eagles (time de futebol americano da Filadélfia). Ela era naturalmente engraçada e sua risada alta irá ecoar nos corações e mentes de suas pessoas amadas”, disse uma publicação sobre a sua morte.

Jeremy McCaa, que também foi desafiado no programa, lamentou a morte da parceira e amiga em sua página no Facebook. “Tínhamos uma química muito grande no programa, e ela floresceu em uma amizade que palavras não podem descrever. Sua risada era única. A amizade dela era incrível. Mesmo que não tivéssemos o mesmo sangue éramos uma família. Sempre podia contar com ela”, escreveu.

“Tivemos tantos momentos em que nos apoiamos. Ela era minha esposa do pântano, uma melhor amiga, uma mulher forte, uma pessoa incrível e sempre apreciarei nossos momentos juntos”, disse.

Da Redação do PortalPE10, com informações do JC Online.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads