Mundo

Pai vende a própria filha recém-nascida pelo Whatsapp para comprar celular na Bolívia

Em | Da Redação

Atualizado em

Pai vende a própria filha recém-nascida pelo Whatsapp para comprar celular na Bolívia
(Foto: Reprodução)

Um homem foi preso por vender a própria filha recém-nascida, pelo equivalente a R$ 1.500, para poder comprar um celular, na Bolívia. A criança chegou a ser entregue para a compradora, mas foi resgatada pela polícia.

De acordo com o portal Ric Mais, o bebê foi anunciado em um grupo de WhatsApp. Faustino Colque Mollo, de 23 anos, o pai da criança, e Carmen Condori, 60 anos, a mulher que comprou o bebê, foram presos.

Segundo a polícia, o homem ainda tinha pedido para a namorada fazer um aborto quando soube da gravidez. Com a negativa dela, ele resolveu vender o bebê.

A mãe da recém-nascida ainda tentou comprar a bebê de volta quando soube da venda, mas a mulher exigiu o dobro do valor para devolver a criança.

*As informações são do Correio Braziliense.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads