Brasil

Mulher suspeita de financiar golpistas no 8 de janeiro se entrega à PF

Em | Da Redação

Atualizado em

Mulher suspeita de financiar golpistas no 8 de janeiro se entrega à PF

Uma mulher de 48 anos identificada como Elizangela Braga se entregou na noite de segunda-feira (16) à Polícia Federal do Rio de Janeiro, após ficar foragida da operação contra suspeitos de participação, organização e financiamento dos atos golpistas realizados após as eleições e no último dia 8 de janeiro, quando os prédios dos três Poderes foram atacados em Brasília.

A ação realizada na segunda foi batizada de Ulysses, cumprindo três mandados de prisão e cinco mandados de busca e apreensão, e teve origem na investigação sobre lideranças envolvidas nos atos que bloquearam rodovias em Campos dos Goytacazes (RJ).

Os três alvos foram presos. São eles: o subtenente do Corpo de Bombeiros Roberto Henrique de Souza, Carlos Victor Carvalho, que nas redes sociais se apresenta como integrante da Associação Direita Campos, e Elizangela Braga.

Roberto Souza foi candidato a deputado federal 2018 pelo Patriota, partido da base do governo de Jair Bolsonaro (PL).

O Corpo de Bombeiros confirmou a prisão e disse que Roberto foi encaminhado ao Grupamento Especial Prisional da corporação.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads