Mundo

Meteoro acende clarão nos céus de Santiago, no Chile; assista

Em | Da Redação

Atualizado em

Meteoro acende clarão nos céus de Santiago, no Chile; assista
(Foto: Reprodução/Twitter)

Um meteoro riscou o céu e abriu um imenso clarão na cidade de Santiago, no Chile, por volta das 5h45 (horário de Brasília) na sexta-feira (8). Segundo autoridades locais, o meteoro se desintegrou em várias partes antes de desaparecer na região da Cordilheira dos Andes.

Câmeras da Ledrium, uma empresa de telecomunicações chilena, registraram o fenômeno — popularmente chamado de “estrela cadente”. De acordo com a imprensa internacional, os habitantes da cidade relataram ter escutado o som do meteoro cruzando a atmosfera como se fosse o de uma rajada de trovão.

Em entrevista ao site MSN, o astrônomo Juan Carlos Beamin, da Fundação Chilena de Astronomia, explicou que o meteoro que cruzou Santiago — e também foi visto em alguns pontos na Argentina — se chama “T12.cl”.

“O espaço está cheio dessas pedrinhas. Em geral, estamos falando de alguns granitos, ou seja, são bem pequenos e estão lá, alguns desde a formação do Sistema Solar, outros são restos de cometas ou asteroides que se desprenderam”, acrescenta.

Segundo o cientista, o clarão acendeu porque, ao entrar na atmosfera, mesmo “uma pedra, ou uma pequena rocha, devido ao atrito com o ar, queima e brilha”. “Estamos falando de velocidades de 10 mil km/h”, pontua Beamín.

A Fundação Chilena de Astronomia também esclareceu que o perigo dos elementos é mínimo, exceto quando as dimensões excedem as de uma bola de futebol.

“Se conseguir sobreviver à atmosfera da Terra e atingir o solo e a superfície, já pode ser produzida uma cratera”, explica o astrônomo Sandro Villanova, do departamento de astronomia da Universidade de Concepción. “Neste caso, seria chamado de meteorito.”

*As informações são do Olhar Digital.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads