Brasil

Homem mata esposa com cinco tiros e diz que vítima “enchia muito o saco”

Em | Da Redação

Atualizado em

Homem mata esposa com cinco tiros e diz que vítima “enchia muito o saco”

Uma coletiva realizada nesta segunda-feira (6) revelou detalhes da morte de Cacilda Freire dos Santos de Brito, de 46 anos, que foi assassinada pelo marido no último sábado (4), em São José dos Pinhais, no Paraná.

Morta dentro da própria casa após uma briga regada a “bebedeira”, Cacilda foi assassinada com cinco tiros, que foram disparados sob a justificativa de que ela “enchia muito o saco”. Segundo a delegada Sandra Nepomuceno, responsável pelo caso, o homem revelou que os dois brigavam muito e que não aguentava mais as discussões. O casal estava junto há oito anos e vizinhos relatam que os dois brigavam diariamente.

“A casa estava bastante desorganizada, muita bebida e cigarro. O principal motivo foi bebedeira mesmo. Tanto que ele no interrogatório não conseguia falar, por causa da embriaguez. Ele deu como motivação que eles brigavam muito e, nas palavras dele, ela ‘enchia muito o saco’. Ele disse que não aguentava mais aquelas discussões, ficou com muita raiva e acabou efetuando os disparos”, detalhou.

Após o crime, o homem permaneceu no local. “Ele tinha uma arma ilegal em casa, inclusive com a numeração suprimida. É um revólver e ele disparou cinco tiros no abdômen da vítima, o que levou ela a óbito na sequência. Pelo estado de embriaguez, talvez ele não teve a noção no momento e acabou ficando na casa. Quando a polícia chegou, ele estava com a arma lá e a cena do crime completamente preservada”, explicou.

O suspeito segue preso à disposição da Justiça. Ele deverá responder por feminicídio e porte ilegal de arma de fogo.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads