Brasil

FGTS deve distribuir R$ 12 bilhões a trabalhadores com base em lucro de 2022; saiba detalhes

Os trabalhadores que terão direito precisam ter saldo na conta até 31 de dezembro de 2022

Em | Da Redação

Atualizado em

FGTS deve distribuir R$ 12 bilhões a trabalhadores com base em lucro de 2022; saiba detalhes
Dinheiro – Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) deve distribuir R$ 12 bilhões aos trabalhadores em 2023. O número refere-se ao lucro líquido de R$ 12,8 bilhões de 2022 que registrou queda de 3,45% em relação ao exercício anterior. O Conselho Curador do FGTS vai discutir sobre a distribuição ainda este mês, e os números consolidados devem ser apresentados até o dia 25 de julho. As informações são da CNN.

O colegiado vai definir a respeito da divisão do lucro entre os trabalhadores elegíveis que tenham saldo até 31 de dezembro de 2022. O valor vai ser creditado na conta dos trabalhadores cotistas até o fim de agosto.

Ao todo, o cidadão poderá ter cerca de 7% de rendimento total do saldo acumulado referente ao exercício de 2022. No total, o FGTS registrou receita de R$ 49,8 bilhões em 2022 e R$ 36,9 bilhões em despesas. Em comparação ao estimado em um balanço provisório, as despesas cresceram R$ 2,3 bilhões.

Tem direito ao benefício quem tinha saldo nas contas do fundo de garantia em 31 de dezembro de 2020. Para saber quanto receberá, o trabalhador precisa multiplicar o saldo da conta no dia 31 de dezembro de 2020 por 0,01863517. Na prática, o rendimento adicional significaria um incremento de R$ 18,63 a cada R$ 1.000 de saldo na conta do FGTS ao fim de 2020.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads