Política

Deputada e vice-presidente do PL Mulher, Amália Barros, morre aos 39 anos

Em | Da Redação

Atualizado em

Deputada e vice-presidente do PL Mulher, Amália Barros, morre aos 39 anos
A deputada federal Amália Barros (PL-MT), vice-presidente do PL mulher, em sessão da Câmara dos Deputados, em Brasília A deputada federal Amália Barros (PL-MT), vice-presidente do PL mulher, em sessão da Câmara dos Deputados, em Brasília – Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados
Morreu na madrugada deste domingo (12) a deputada federal Amália Barros (PL-MT), vice-presidente do PL Mulher e uma das aliadas da ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro.
 
A morte foi confirmada pelas redes sociais da parlamentar. Amália estava internada desde o dia 1° de maio após retirada de nódulo no pâncreas. Neste ínterim, passou por quatro procedimentos médicos, o primeiro deles para retirada do tumor.
 
A primeira operação, que retirou o nódulo do corpo da congressista, foi realizada na quinta-feira (2). No sábado (4), Amália teria apresentado “melhora expressiva” após segundo procedimento cirúrgico na mesma região.
 
Já na terça-feira (7), foi submetida a nova intervenção para drenagem das vias biliares, visando remover excesso de líquido biliar no fígado. Dois dias depois, passou por um “procedimento adicional de radiointervenção”, menos invasivo, sem detalhamento do que foi realizado.
 
Nascida em Mogi Mirim (155 km de São Paulo), Amália Scudeler de Barros Santos iniciou sua carreira política em 2022, candidatando-se com êxito à Câmara dos Deputados apadrinhada por Michelle Bolsonaro, amiga e uma de suas principais aliadas, e obteve cerca de 70 mil votos.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads