Empregos

Colégio agrícola da UFRPE abre inscrições para 328 vagas de ensino médio e cursos técnicos subsequentes

Em | Da Redação

Atualizado em

Colégio agrícola da UFRPE abre inscrições para 328 vagas de ensino médio e cursos técnicos subsequentes

 

O Colégio Agrícola Dom Agostinho Ikas (Codai), da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), anunciou a abertura de 328 vagas para a seleção de alunos que pretendem estudar no primeiro semestre de 2023. As inscrições começam na segunda (24) e seguem até 11 de novembro, pela internet.

Segundo o edital, há vagas para ensino médio, técnico em agropecuária integrado ao ensino médio, além de técnicos subsequentes em administração, agropecuária e alimentos.

Para se inscrever no processo seletivo, é preciso entrar na internet e preencher um formulário eletrônico.

Segundo a instituição, o ensino médio tem curso presencial integral, de manhã e tarde, com duração de três anos.

São 40 vagas disponíveis. As aulas serão ministradas, provisoriamente, no Campus Dois Irmãos da UFRPE, na Zona Norte do Recife.

O curso técnico em agropecuária integrado ao ensino médio tem 72 vagas. A meta é fazer a formação do estudante na área técnica em agropecuária e no ensino médio.

Ele é presencial e tem horário integral, com duração de três anos. As aulas são ministradas no Campus Dois Irmãos da UFRPE e no Codai Tiúma, em São Lourenço da mata, no Grande Recife.

Os três cursos técnicos subsequentes em administração, agropecuária e alimentos funcionam todos no Campus Tiúma, com duração de um ano e seis meses. São, ao todo, 72 vagas em cada um.

O resultado final da seleção será divulgado no dia 5 de dezembro. As matrículas acontecerão no período compreendido entre os dias 6 e 9 do mesmo mês.

História

O Colégio nasceu em 1936, com a fundação do Aprendizado Agrícola de Pacas, em Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata.

Foi transferido, dois anos depois, para o Engenho de São Bento, onde havia funcionado a Escola de Agronomia de Pernambuco, núcleo inicial da UFRPE.

Com o nome de Escola Agrotécnica de São Lourenço da Mata, foi incorporado à UFRPE em 1957. Ele foi novamente renomeado dez anos depois, em homenagem a um antigo monge beneditino que havia ensinado na escola, passando a se chamar Colégio Agrícola Dom Agostinho Ikas.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads