Logo Estadão
Brasil

Brasil ultrapassa pela primeira vez marca de US$ 100 bilhões exportados à China

Segundo ministério do Comércio Exterior, país asiático continuou demandando minério de ferro brasileiro, mesmo como a economia chinesa apresentando um comportamento mais fraco

Em | Da Redação com informações de Estadão

Atualizado em

Brasil ultrapassa pela primeira vez marca de US$ 100 bilhões exportados à China
Segundo ministério do Comércio Exterior, país asiático continuou demandando minério de ferro brasileiro, mesmo como a economia chinesa apresentando um comportamento mais fraco

O Brasil ultrapassou pela primeira vez a marca de US$ 100 bilhões exportados à China, afirmou nesta sexta-feira, 5, a secretária de Comércio Exterior, Tatiana Prazeres. O montante é o maior valor já exportado pelo Brasil a um parceiro comercial. Foram US$ 105,7 bilhões em vendas ao país asiático no ano passado, alta de 16,5% em comparação com 2022.

Segundo o diretor de Estatísticas e Estudos de Comércio Exterior do Ministério de Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (Mdic), Herlon Brandão, as exportações de minério de ferro em 2023 surpreenderam “muito”. Ele apontou que a China continuou demandando o produto brasileiro, mesmo como a economia do país asiático apresentando um comportamento mais fraco.

Em 2023, o valor total de exportação de minério de ferro e seus concentrados cresceu 5,5%, puxado pela alta de volume vendido, de 10%, contra um recuo nos preços de 4,1%.

Brandão também ressaltou o crescimento das exportações para a Associação de Nações do Sudeste Asiático (ASEAN), que corresponderam a 7,2% das vendas brasileiras ao exterior no ano passado — número maior que o do Mercosul, que ficou com participação de 6,9% das exportações.

Segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC) divulgados nesta sexta, a balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 9,36 bilhões em dezembro, o que levou o País a fechar com US$ 98,838 de saldo em 2023 — resultado recorde, 60,6% maior que o registrado em 2022.

O valor do ano passado foi alcançado com exportações de US$ 339,673 bilhões (alta de 1,7% ante 2022) e importações de US$ 240,835 bilhões — recuo de 11,7% ante o ano anterior.

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads