Logo Agência O Globo
Brasil

Brasil suspende exportações de carne bovina à China com confirmação de caso de vaca louca

Em | Da Redação com informações de Agência O Globo

Atualizado em

Brasil suspende exportações de carne bovina à China com confirmação de caso de vaca louca
Gado em fazenda de Escondido, na Califórnia – Ariana Drehsler/AFP

 

Um caso da doença “mal da vaca louca” no Pará, que foi confirmado por autoridades sanitárias brasileiras, travou o mercado do boi gordo e deixou frigoríficos no Brasil em compasso de espera nesta quarta-feira (22), com abates suspensos em diversas regiões do país.

Analistas ouvidos pela Reuters disseram que as indústrias já estavam deixando de comprar gado desde segunda-feira, quando o caso começou a ser investigado, considerando a hipótese de paralisação das exportação de carne para a China —que, de fato, se confirmou.

O Ministério da Agricultura informou na noite desta quarta-feira que as exportações de carne bovina do Brasil para a China estarão suspensas temporariamente a partir de quinta-feira, seguindo um protocolo sanitário oficial devido à confirmação de um caso da doença Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB).

Segundo o ministro da Agricultura, Carlos Favaro, tudo indica que a doença seja atípica —caso em que é desenvolvida durante o processo degenerativo do animal, mais comum em bovinos mais velhos, e não tem risco de contaminação para o rebanho ou para humanos.

A confirmação final será feita pelo laboratório da Organização Internacional de Saúde Animal (OIE, na sigla em inglês) no Canadá.

Mesmo antes da confirmação do caso de vaca louca pelo governo, a indústria já estava em compasso de espera por temores de suspensão das importações para a China.

Não havia informações sobre quais unidades frigoríficas estavam com operações paradas, em um mercado operado por gigantes como JBS, Marfrig e Minerva. As empresas não se manifestaram de imediato.

 

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads