Logo Metrópoles
Brasil

Agências dos Correios vão receber pedidos de auxílio-doença do INSS

A ideia é que os Correios auxiliem segurados no envio laudos e atestados, sem necessidade de comparecer a uma unidade da Previdência Social

Em | Da Redação com informações de Metrópoles

Atualizado em

Agências dos Correios vão receber pedidos de auxílio-doença do INSS
Fachada do prédio da Previdência Social em Brasília – Antonio Molina – 4.jan.22Folhapress

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) firmou uma parceria com os Correios para que as solicitações por incapacidade temporária (conhecido como auxílio-doença) possam ser recebidas pelas agências da ECT. O acordo foi fechado nesta quarta-feira (20/3) e tem como objetivo ampliar o atendimento aos segurados da Previdência Social para tornar o processo menos burocrático.

É esperado que a modalidade esteja disponível em todo o país a partir de abril. Segundo o instituto, a parceria abrange todas as 11 mil agências do Correios espalhadas pelo Brasil, incluindo as franqueadas. O serviço será gratuito.

Entenda como vai funcionar

Os funcionários dos Correios vão ajudar os segurados a fazerem a solicitação do auxílio através do Atestmed, um sistema que permite envio de laudos e atestados médicos ou odontológicos digitalizados para análise de um médico perito à distância, sem a necessidade de comparecimento a uma unidade da Previdência Social.

O Atestmed funciona dentro do site ou aplicativo Meu INSS. A expectativa do órgão é que, até o final de abril, todos os benefícios por incapacidade sejam solicitados através desse sistema digital.

Como utilizar esse método de atendimento

  • Comparecer a uma agência dos Correios, onde um funcionário ajudará no pedido, bem como a digitalizar laudos e atestados médicos.
  • Iniciar requerimento através da central telefônica 135 e, posteriormente, ir até uma agência dos Correios apenas para digitalizar laudos e atestados médicos.

A nova modalidade deve agilizar a concessão e impedir que o INSS pague correção pela demora na liberação do benefício.

Com informações Metrópoles 

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads