Brasil

Advogada é morta a tiros dentro de carro após deixar camarote com noivo

Em | Da Redação

Atualizado em

Advogada é morta a tiros dentro de carro após deixar camarote com noivo
Advogada é morta a tiros dentro de carro após deixar camarote no carnaval de Salvador — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Uma advogada de 29 anos foi morta a tiros dentro de um carro depois de deixar um camarote no circuito Dodô (Barra-Ondina), em Salvador, na madrugada desta segunda-feira (20).

A vítima, identificada como Saadya Gomes Duarte Rosemberg, que presta serviço para a Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), estava com o noivo, quando o casal foi abordado por homens armados, na Rua Bahia, no bairro de Tancredo Neves. De acordo com a Polícia Militar, o companheiro da advogada não foi atingido.

Saadya Rosemberg foi socorrida e levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Tancredo Neves, mas não resistiu aos ferimentos.As informações são do G1

Advogada é morta a tiros dentro de carro após deixar camarote no carnaval de Salvador — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Equipes da 23ª Companhia Independente da Polícia Militar (23ª CIPM) fizeram rondas na região, mas não encontraram os suspeitos. O crime é investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Os familiares da advogada contaram que o casal sofreu uma tentativa de assalto. Saadya Rosemberg teria se assustado com a presença dos criminosos e acelerado o veículo.

A família da advogada informou ainda que ela foi atingida na região da axila. Os familiares reclamaram ainda que a vítima esperou cerca de 40 minutos por atendimento na UPA.

 

Deixe sua opinião

Advertisements
20 - Banner Threads