Nos siga nas redes sociais

Esportes

Náutico perde para o Goiás de virada

Alviverde sai atrás, mas mostra luta e, mesmo com pênalti perdido por Léo Lima, consegue reagir para voltar a vencer

Publicado em

às

Em tarde iluminada do atacante Rossi, autor de dois gols, o Goiás venceu o Náutico por 4 a  2, de virada, no Serra Dourada. O Alviverde saiu atrás e até perdeu pênalti com Léo Lima, mas conseguiu dar a volta por cima. O próprio meia não se abateu e marcou no segundo tempo. Carlos Eduardo também deixou o seu. O Timbu contou com gols de Hugo e Roni e esteve à frente duas vezes, mas se perdeu na etapa final e mais uma vez perdeu na Série B.

O Náutico começou bem o jogo e em menos de cinco minutos, conseguiu chegar ao gol. Roni foi derrubado pelo goleiro Ivan e o árbitro marcou pênalti. Hugo converteu e abriu o placar. O Timbu continuou melhor, mas parecia que ia dar o mesmo presente. Joazi derrubou Carlos Eduardo, o juiz marcou pênalti, mas Léo Lima perdeu. O trunfo do Esmeraldino foi não esmorecer. E foi recompensado por isso. Dez minutos depois, Carlos Eduardo empatou a partida. Apesar do esforço, parecia que o dia seria alvirrubro: perto do apito para o intervalo, aos 44 minutos, Roni colocou o Timbu na frente de novo.

Tudo que o Náutico construiu no primeiro tempo, ruiu. As falhas defensivas começaram a resultar em gols do Goiás. Como foi logo aos oito minutos do segundo tempo, quando Léo Lima, de cabeça, empatou a partida. Aos 18 minutos, outro golpe: Léo Pereira vacilou, Patrick roubou a bola e tocou para Rossi fazer o terceiro gol e virar o jogo. A pá de cal também foi dada por Rossi, artilheiro do Esmeraldino na Série B, com seis gols, aproveitou um belo passe de Daniel Carvalho para decretar o placar final em Goiânia.

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10 | O Portal que faz a Diferença.