Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Não há motivo para tirar Dilma do cargo, diz presidente do Itaú

Setubal saiu em defesa pela permanência da presidente Dilma Rousseff no Palácio do Planalto.

Publicado

em

ás

roberto setubal

Um dos empresários mais influentes do Brasil, o presidente do Itaú Unibanco, Roberto Setubal, elogiou a presidente Dilma Rousseff pela “isenção, transparência e o esforço para combater a corrupção no País”.

Setubal saiu em defesa pela permanência da presidente Dilma Rousseff no Palácio do Planalto. “Impeachment por corrupção, pelo que vi até agora, não tem cabimento, pelo contrário, o que a gente vê é que a Dilma permitiu uma investigação total sobre o tema. Era difícil imaginar no Brasil uma investigação com tanta independência. A Dilma tem crédito nisso”, disse.

Em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo deste domingo (23), o banqueiro avisou que não existe motivo para pedir a saída da presidente do poder. “Nada do que vi ou ouvi até agora me faz achar que há condições para um impeachment. Não há nenhum sinal de envolvimento dela com esquemas de corrupção”, afirmou.

De acordo com Roberto, o argumento usado pela oposição, as manobras para melhoras as contas do governo, conhecidas como pedaladas fiscais, podem “merecer punição”, mas não são “motivos para tirar a presidente”. Maior banco privado do país, o Itaú foi fortemente hostilizado pelo PT na campanha presidencial de 2014.

Na visão do presidente do banco, tirar a presidente do poder agora criaria uma instabilidade ruim para a democracia brasileira. Na semana passada, entidades do setor econômico fizeram manifestações públicas pela estabilidade do país.

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10.