Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Mãe de brasileiro executado na Indonésia defende pena de morte ‘em certos casos’

Para ela, sua execução não foi um ato de justiça, mas sim, uma decisão “política” do presidente Joko Widodo

Publicado

em

ás

BBC Brasil:Há pouco mais de um mês, Rodrigo Gularte foi executado por tráfico de drogas na Indonésia, após mais de 10 anos no corredor da morte e apelos da família por uma revisão da pena diante do diagnóstico de esquizofrenia.

Junto às fotos mostradas à BBC Brasil, estão anotações feitas pelo filho na prisão. São recados para a mãe “perder peso”, observação feita após a última visita dela em fevereiro, ou mensagens que, diz Clarisse, mostram a incoerência na qual ele vivia, como lembretes quase diários “para recolher os talheres”.

Diz a família que Gularte sofria de problemas mentais, como bipolaridade, desde a adolescência – e que laudos médicos comprovam o quadro. O contato com as drogas, também desde jovem, só fez piorar esse quadro, conta a mãe.

“Eles (a Indonésia) não respeitaram isso e o executaram, mesmo sabendo que ele era doente”, disse à BBC Brasil Clarisse, 70 anos, em sua primeira entrevista após a morte do filho.

Para ela, sua execução não foi um ato de justiça, mas sim, uma decisão “política” do presidente Joko Widodo. A Indonésia retomou as execuções de traficantes por fuzilamento dizendo enfrentar uma situação de “emergência” devido às drogas, apesar de pressão internacional. Widodo diz que entre 40 e 50 indonésios morrem todos os dias por causa de narcóticos – número contestado por especialistas.

O país executou 14 pessoas neste ano, entre eles diversos estrangeiros, incluindo dois brasileiros – Gularte e o carioca Marco Archer Cardoso Moreira.

Para Clarisse, as execuções não mudarão a situação das drogas no país, uma das rotas mais conhecidas de tráfico no Sudeste Asiático.E, mesmo com a execução do filho, disse defender a pena de morte “em certos casos” – mas não se posiciona quanto a tráfico de drogas: “é uma coisa que tem que ser pensada”.


Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10.