Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Febre amarela: Pernambuco realizará diagnóstico dos casos

Estado dará início, no próximo mês, à sorologia de pacientes que podem apresentar sinais da doença.

Publicado

em

ás

Foto: Reprodução
Para agilizar o diagnóstico de possíveis casos de febre amarela (FA) em Pernambuco, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) anunciou que, a partir do próximo mês, começará a realizar exames sorológicos para a doença. A estratégia já vinha sendo planejada desde 2017, quando surtos do sudeste do Brasil acenderam um alerta nacional para a volta da enfermidade e sua possibilidade de ascensão. 

Com a aquisição de insumos para a testagem, os exames antes realizados no Instituto Evandro Chagas (IEC), no Pará, passam a acontecer no Laboratório Central de Pernambuco (Lacen). A nova dinâmica reduzirá o tempo dos resultados de 40 dias em média para algo entre cinco a seis dias. Pernambuco tem, até agora, dois casos sendo investigados para FA. Um homem e uma mulher que passaram por áreas de risco em São Paulo e Bahia tiveram as amostras de sangue enviadas para o IEC depois de apresentarem um quadro febril leve.

Como a febre amarela não circula em Pernambuco, o Ministério da Saúde não libera os reagentes e insumos para o teste e, por isso, a gente tinha que fazer os testes em Belém. Mas agora vamos começar a fazer. Decidimos isso no ano passado, mas na época o objetivo era fazer a investigação em primatas não humanos. Estamos fazendo essa licitação (de compra dos insumos) desde agora e ela está sendo finalizada”, disse o secretário de Saúde do Estado, Iran Costa. 

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10.