Nos siga nas redes sociais

Política

Cúpula estadual do PSB, já tinha conhecimento do desgaste administrativo

Com isto, o PMDB voltará ao controle da maior cidade da Mata Sul.

Publicado

em

ás

Coluna Fogo Cruzado – 29 de setembro

As regas eleitorais que vigoraram este ano dificilmente serão mantidas nas eleições de 2018

As regras aprovadas pelo Congresso e regulamentadas pelo TSE para as eleições deste ano dificilmente serão mantidas em 2018. Há um reconhecimento generalizado de que se por um lado as eleições ficaram mais baratas e as cidades menos poluídas, por outro as campanhas ficaram menos interessantes e menos democráticas. O primeiro erro dessas novas regras foi a proibição pelo STF de doações eleitorais a candidatos e a partidos por parte de empresas. Isso fez proliferar, como nunca se viu antes, o chamado “caixa dois”, que vem atuando a torto e a direito sem que a Justiça Eleitoral possa coibi-lo. Ademais, as restrições à campanha propriamente dita (outdoors, distribuição de camisetas, pintura de muro), aliada à redução do horário político do rádio e da TV (erro grave), favoreceu os candidatos que já têm mandato ou já eram conhecidos, mantendo praticamente incógnitos os candidatos das pequenas coligações.

Estranhas coincidências

O Ministério Público Federal dá pretexto a cada dia para ser acusado por seus críticos de “politização” da Lava Jato. Há dezenas de inquéritos apurando supostos “malfeitos” de políticos do PMDB, PP, PSDB e DEM. Mas, faltando menos de 15 dias para as eleições municipais, a rebordosa caiu nas costas de Lula, Guido Mantega, Antonio Palocci, Paulo Bernardo e Gleisi Hoffmann, coincidentemente todos petistas.

Pesquisa – Quem passa por Carpina não tem dúvida de que lá haverá um “clássico” entre os ex-prefeitos Manoel Botafogo (PDT) e Joaquim Lapa (PTB). Este último foi à Justiça e conseguiu impedir a divulgação de uma pesquisa, prevista para ontem, atribuindo vantagem ao candidato do PDT, que já recorreu.

Teto – Embora da base do governo Temer, Tadeu Alencar (PSB) inclina-se a votar contra na Câmara Federal à chamada “PEC do teto” que prevê o congelamento dos gastos públicos por 20 anos.

Vereança – A juventude do PPS está mobilizada para ver se reconquista a cadeira que o partido tinha na Câmara do Recife com Raul Jungmann e aposta todas suas fichas no jovem Felipe Ferreira Lima.

Federal – Caso não obtenha sucesso como candidato do PR à prefeitura de Vitória de Santo Antão, o atual vice, Henrique Filho, já sabe o que fará daqui a dois anos: candidato à Câmara Federal.

Derrota – O favoritismo do candidato Altair Júnior (PMDB) na disputa pela prefeitura de Palmares não é surpresa para a cúpula estadual do PSB, que já tinha conhecimento do desgaste administrativo do prefeito João Bezerra (PSB). Com isto, o PMDB voltará ao controle da maior cidade da Mata Sul.

Registro – A Justiça Eleitoral do Ceará indeferiu o pedido de registro da candidatura à reeleição do prefeito de Aracoiaba Antonio Cláudio e de sua vice Maria Valmira Oliveira, ambos do PSDB. Valmira, conhecida como “Dona Biu”, é mãe do cantor Wesley Safadão. Ela foi acusada de abuso de poder econômico.

Balanço – O PSB lançou em Pernambuco 127 candidatos a prefeito, mas só contabiliza a vitória de 60, o que estará de bom tamanho. Dá-se como certa a vitória no Recife (Geraldo Júlio), Paulista (Júnior Matuto), Petrolina (Miguel Coelho), Cabo (Lula Cabral), São Lourenço (Gino Albanez), Igarassu (Yves Ribeiro), Bezerros (Severino Otávio), Belo Jardim (João Mendonça), Arcoverde (Madalena Brito) e Sertânia (Ângelo Ferreira), dentre outras.

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10.