Nos siga nas redes sociais

Brasil

Celso de Mello volta ao trabalho e decide antecipar aposentadoria

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Celso de Mello, voltou às atividades nesta 6ª feira (25.set.2020)

Publicado

em

© Rosinei Coutinho/STF   O ministro Celso de Mello

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Celso de Mello, voltou às atividades nesta 6ª feira (25.set.2020). Ele retornou de licença médica e anunciou que vai antecipar a aposentadoria para o dia 13 de outubro.

Mello é o ministro há mais tempo em atividade no STF. O decano da Corte se aposentaria em novembro deste ano, ao completar 75 anos de idade. Conforme a legislação, todos os ministros do STF são aposentados compulsoriamente, quando atingem essa idade.

O magistrado já encaminhou ao presidente Jair Bolsonaro o ato formal sobre a antecipação de quando deixará a Corte. Depois da aposentadoria, caberá ao presidente da República escolher o sucessor do ministro. A indicação precisa passar pela aprovação do Senado.

Relatoria de casos

Ao retornar ao trabalho nesta 6ª feira, Celso de Mello reassumiu casos que estão sob a responsabilidade dele na Corte. Um dos mais importantes é o que questiona se Bolsonaro deve prestar depoimento presencialmente ou por escrito no inquérito sobre suposta interferência na Polícia Federal.

Informações: Poder360

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10 | O Portal que faz a Diferença.