Nos siga nas redes sociais

Cotidiano

Candidato a prefeito em PE promete não receber salário caso seja eleito

O salário gira em torno atualmente R$ 14,5 mil (bruto).

Publicado

em

O candidato Obadias Novaes prometeu nesta sexta-feira (16) não receber salário de prefeito em Floresta, no Sertão de Pernambuco. Em uma nota publicada na sua página oficial no Facebook ele disse: “Assumo o compromisso com o povo florestano, ao ser eleito, optarei por não receber o salário de prefeito, para que o recurso seja investido na saúde”, disse Obadias.

De acordo com a constituição brasileira, artigo 38, parágrafo 2º, investido no mandato de Prefeito, será afastado do cargo, emprego ou função, sendo-lhe facultado optar pela sua remuneração. Ou seja, se não vai receber o salário de prefeito, automaticamente, Obadias tem direito de continuar recebendo o salário de procurador do Estado de Alagoas.

O salário de um prefeito em Floresta custa atualmente R$ 14,5 mil (bruto). Já o de procurador é de aproximadamente R$ 30 mil (bruto). O valor não inclui diárias e outras benefícios garantidos por lei.

De qualquer forma essa escolha representar uma economia para os cofres públicos do município de Floresta. Visto que mesmo sendo prefeito aqui, ele receberá o salário de procurador pago pelo Governo do Estado de Alagoas.

Ainda de acordo com Obadias, a promessa representa “Uma economia de cerca de R$ 730 mil para que seja investido na saúde do povo desta cidade. Como prefeito de Floresta eu vou continuar a mudança iniciada pela prefeita Rorró Maniçoba”, completou Obadias Novaes na sua postagem.

 

 

Continue Reading
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2013 - 2021 PortalPE10 | O Portal que faz a Diferença.