Mata Sul
Publicada em 09/11/2018 às 08h05. Atualizada em 09/11/2018 às 08h05
TRF-5 concede habeas corpus a empresário preso por desvios na cheia na Mata Sul
Ricardo Padilha terá que cumprir medidas cautelares e pagar R$ 50 mil em fiança
Por: Marcos André Fonte:G1


Resultado de imagem para Ricardo Padilha

O Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5) concedeu, nesta quinta (8), habeas corpus ao empresário Ricardo José Padilha, preso preventivamente na primeira e na segunda etapa da Operação Torrentes. 

Deflagrada pela Polícia Federal em fevereiro, a operação investiga fraudes na gestão de recursos do Ministério da Integração Nacional enviados para a assistência das vítimas de enchentes em 2010, na Zona Mata da Mata e no Agreste do estado.

O habeas corpus foi concedido por unanimidade pela 3ª Turma do TRF-5. Para ser liberado da prisão, Padilha precisa pagar uma fiança de R$ 450 mil e cumprir medidas cautelares. Em março, a Justiça havia concedido um habeas corpus ao empresário, que continuou preso porque ainda não havia recebido liberação referente ao segundo pedido de prisão.

De acordo com o TRF-5, a fiança imposta a Padilha no mais recente habeas corpus é de R$ 50 mil. Esse valor, somado ao pagamento de R$ 400 mil determinado na primeira liberação, totaliza os R$ 450 mil que precisam ser pagos para o empresário ser liberado.

Além disso, foram determinados ao empresário monitoramento eletrônico, recolhimento domiciliar noturno, proibição de viajar e proibição de contato com os demais investigados, exceto Rafaela Padilha, esposa dele.

Tags: Cotidiano, Brasil,
Brasil
Governadores do Nordeste fecham agenda única para levar a Bolsonaro
Brasil
Homem é preso por abuso após tentar degolar cachorro dentro de casa
Tecnologia
Pagamento do 5º lote do do abono do PIS/Pasep começa nesta terça-feira
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.