Mata Sul
Publicada em 10/09/2018 às 22h33. Atualizada em 11/09/2018 às 10h22
'Vamos concluir as que estão mais avançadas', diz Armando sobre barragens
Vamos concluir as que estão mais avançadas', diz Armando sobre barragens
Por: Marcos André Fonte:G1


Armando diz que vai assumir controle da segurança e não vê desconforto em palanque com ex-ministros de Temer

O senador e candidato do PTB ao governo de Pernambuco, Armando Monteiro, afirmou nesta segunda-feira (10), em entrevista à TV Globo, que, se for eleito, vai assumir o controle da segurança pública. Ele também disse que não se sente desconfortável no mesmo palanque com ex-ministros do Governo Temer, como os candidatos ao Senado Mendonça Filho (DEM) e Bruno Araújo (PSDB). (Veja vídeo acima)

Na entrevista concedida no estúdio da TV Globo, no Recife, Armando afirmou que pretende utilizar egressos do sistema militar para atuar em funções administrativas para colocar mais efetivo policial nas ruas. "Vamos restaurar a autoridade", declarou.

Ele também disse que aposta na implantação de centrais de comando e controle. De acordo com o candidato, na sua gestão as delegacias de polícia vão ampliar o horário de funcionamento, com atendimento durante 24 horas.

"Precisamos criar patrulhas rurais. A violência está nas áreas mais interiorizadas de Pernambuco. Acredito que podemos fazer investimentos de R$ 10 milhões no setor", declarou.

Sobre as alianças políticas, Armando Monteiro afirmou que há questões em comum entre ele, Mendonça Filho e Bruno Araújo, ex-ministros da Educação e das Cidades, respectivamente.

"Essas forças se alinham no campo da oposição em Pernambuco. Isso é o que nos reúne. E eu reconheço neles homens honrados, com uma extensa folha de serviços prestados, tanto não me sinto desconfortável ao lado deles e nem mudei de posição."

Armando Monteiro declarou na entrevista que, na área da saúde, pretende otimizar o atendimento, com mutirões para marcação de exames e realização de cirurgias, além de reforçar a importância de humanização do atendimento aos pacientes do estado.

O candidato do PTB disse que não vai prometer a construção de novos hospitais, mas falou em criar em centros de emergência cardiológica em cidades do interior. "Precisamos descentralizar e melhorar a gestão, além de colocar o médico e o remédio para a população", acrescentou.

Em relação à geração de postos de trabalho, Armando Monteiro afirmou que pretende reforçar o investimento para fortalecer os microempreendedores. Segundo ele, 50% dos empregos são criados por esse tipo de negócio.

O candidato disse, ainda, que não pretende fazer incentivos fiscais. “Precisamos de política tributária que estimule os empreendedores. O plano não envolve renúncia fiscal. É zero de renúncia fiscal”, declarou.

Na entrevista, Armando Monteiro afirmou que é preciso retomar obras que estão interrompidas. Ele citou como exemplo os serviços em estradas e salientou que ações como essas são capazes de gerar empregos

O candidato também falou a respeito de ações no semiárido pernambucano. "O agricultor sofreu sete anos com a seca. Ele precisa de obras de infraestrutra hídrica. É preciso contar com assistência técnica mais efetiva e extensão rural para poder produzir", declarou.

Tags: Politica, Brasil,
Brasil
Ex-prefeito é morto pelo pai após ser confundido com assaltante
Segurança Pública
Pernambuco é o estado do Nordeste com mais adolescentes infratores
Política
Escolta de Bolsonaro terá carros que resistem a disparos de submetralhadora
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.