Brasileirão Série A
Publicada em 02/09/2018 às 18h35. Atualizada em 03/09/2018 às 00h09
Alívio! Sport passa pelo Paraná e acaba com 'seca' de vitórias
O resultado colocou o time da casa uma posição acima do que estava procurando, sendo agora o 17º com 23 pontos ganhos
Por: Enzo Gabriel | Fonte: LANCE!


Sport x Paraná

Fim do calvário! Depois de ficar sem ganhar uma partida sequer no Campeonato Brasileiro depois do dia 6 de junho, momento quando ganhou do Atlético-PR na Ilha do Retiro, o Sport venceu novamente na competição ao passar pelo Paraná com o placar de 1 a 0, gol do meio-campista Gabriel.

O resultado colocou o time da casa uma posição acima do que estava procurando, sendo agora o 17º com 23 pontos ganhos. Por sua vez, o Paraná segue na última posição da tabela com 15 unidades, nove atrás do Vasco que é o primeiro time fora da zona de rebaixamento.

SUSTO GRANDE DOS VISITANTES

Cinco minutos de jogo. Foi esse o tempo que demorou para o Paraná se aproveitar da bola aérea e levar muito perigo ao gol de Magrão. 

Após cruzamento, o lateral-esquerdo Igor cabeceou para grande defesa do arqueiro do Leão. No rebote, o zagueiro Cléber Reis testou para a bola explodir na trave e só ser definitivamente afastada quando Sander fez a cobertura pela zaga pernambucana. 

FESTA RUBRO-NEGRA!

Apesar do time visitante ter chegado primeiro, quem aproveitou a oportunidade foram os comandados de Eduardo Baptista. Depois de ótimo passe em profundidade dado por Hernane Brocador, Rogério chegou a linha de fundo e cruzou rasteiro para, após o corta-luz de Andrigo, Gabriel chegar bem para bater de chapa, longe do alcance de Richard. 

FORÇA AÉREA

As duas equipes até conseguiam trocar passes, mas era mesmo quando levantavam a bola na área que as coisas ficavam difíceis para a defesa que precisava ser acionada. 

Enquanto Hernane viu uma dessas chances passar por sobre o travessão, o Paraná chegou a ter um gol mal anulado de Rafael Grampola após lance de Silvinho apostando na cabeçada. Além disso, Andrigo, aos 27, aproveitou lance criado e cabeceou para uma ótima intervenção de Richard.

SUSTO GRANDE (DE NOVO) E GOL ANULADO

Logo nos primeiros minutos, Júnior manda uma bomba no travessão e, no rebote, Carlos completou para as redes e a arbitragem, de novo equivocadamente, deu posição irregular no rebote da equipe paranista.

EQUILÍBRIO, PORÉM FALTAVA O CHUTE

A partida seguia disputada palmo a palmo mas, no entanto, o ritmo em relação a chutes realmente perigosos a meta tanto de Magrão como de Richard ficaram bastante raros. 

Postura essa com grande colaboração de um recuo do Sport e também a falta de ideias principalmente do sistema de criação do Paraná. Os visitantes tinham mais a bola, mas não conseguiam ser "sufocantes" e ainda tinham de se preocupar com os lances de falta ao redor de sua área.

APITO FINAL E ALÍVIO

Nos minutos finais, o Rubro-Negro pernambucano saiu um pouco mais da sua intermediária e fez com que a equipe do Paraná passasse a ser mais cuidadoso em ter a sua cobertura defensiva. 

Antes do fim, Carlos ainda teve uma excelente chance, mas Magrão foi salvador (assim como Richard em chute de Marlone) e, depois de cinco minutos de acréscimo, o torcedor do time anfitrião viu seu time sair com a suada vitória.

FICHA TÉCNICA
SPORT 1 X 0 PARANÁ

Data-Hora: 02/09/2018 - 16h
Estádio: Ilha do Retiro, Recife (PE)
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (CBF-MG)
Assistentes: Celso Luiz da Silva e Marcus Vinicius Gomes (ambos CBF-MG) 
Renda / Público: -
Cartões amarelos: Claudio Winck, Fellipe Bastos (SPO); Júnior, Jhonny Lucas, (PAR)
Cartões vermelhos: -
Gols: Gabriel (14'/1°T) (1-0)

SPORT: Magrão; Claudio Winck, Ernando, Durval e Sander; Nonoca (Neto Moura, no intervalo), Fellipe Bastos, Gabriel (Ronaldo Alves, aos 32'/2°T) e Andrigo; Hernane Brocador e Rogério (Marlone, aos 25'/2°T). Técnico: Eduardo Baptista.

PARANÁ: Richard; Júnior, René, Cleber Reis e Igor; Jhonny Lucas (Wesley Dias, no intervalo), Alex Santana (Rodolfo, aos 39'/2°T) e Caio Henrique; Nadson, Silvinho (Carlos, aos 37'/1°T) e Rafael Grampola. Técnico: Claudinei Oliveira.

Tags: ,
Alagoas
Comissão Interamericana de Direitos Humanos diz que há sinais de execução sumária
Política
Maitê Proença é cotada para Ministério do Meio Ambiente no governo Bolsonaro
Segurança Pública
Pernambuco é o estado do Nordeste com mais adolescentes infratores
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.