Assalto
Publicada em 08/08/2018 às 06h21. Atualizada em 08/08/2018 às 06h21
Presos em roubo a carro-forte entre PE e PB já agiram em cidades do interior de PE
Ataque a carro-forte ocorreu na manhã desta segunda-feira (6) no km 57 da rodovia, diz PRF.
Por: Redação PortalPE10 | Fonte: G1


Carro-forte ficou completamente destruído após ataque na manhã desta segunda na BR-230 em Cruz do Espírito Santo (Foto: Walter Paparazzo/G1)

Os quatro homens suspeitos de terem explodido um carro-forte na Região Metropolitana de João Pessoa, nesta segunda-feira (6), vão ser levados para um presídio da capital paraibana, segundo o Núcleo de Audiências de Custódia do Fórum Criminal, que não informou se eles irão para a mesma penitenciária nem o nome do local. A decisão foi tomada pelo juiz Adilson Fabrício Gomes, durante uma audiência realizada nesta terça-feira (7).

Após o ataque, que aconteceu na manhã desta segunda, nas imediações do município de Cruz do Espírito Santo, o grupo conseguiu fugir. No entanto, no início da tarde, os suspeitos foram confrontados pela Polícia Militar na região de Lucena, no Litoral Norte da Paraíba, o que causou uma troca de tiros. Após aproximadamente quatro horas de negociação, eles foram presos.

Ainda de acordo com o policial militar, os suspeitos têm entre 25 e 34 anos e possuem vasta ficha criminal, somente um deles tinha quatro mandados de prisão em aberto, outros com mandados de estados do Sul e Sudeste. Há registros de atuação da quadrilha nos estados vizinhos de Pernambuco, Ceará e Rio Grande do Norte. Os quatro presos são paraibanos, das cidades de Pombal, Bom Sucesso e Campina Grande.


Metralhadora ponto 50, usada para perfurar aeronaves, foi apreendida com os quatro suspeitos  (Foto: Hebert Araújo/TV Cabo Branco)

Segundo o tenente-coronel Pablo Cunha, comandante do 7º batalhão de Polícia Militar, que conduziu as negociações, dois dos suspeitos já eram procurados pela polícia e são de Campina Grande. Contudo, conforme informou, todos os integrantes do grupo já respondem por crimes similares.

Com eles, foram apreendidas dez, sendo cinco fuzis de grosso calibre, uma carabina e quatro pistolas, munição, material explosivo e coletes. Além disso, parte do dinheiro roubado foi recuperado, assim como um veículo que teria sido levado durante a fuga.

Inicialmente, os suspeitos foram conduzidos para a Delegacia da Polícia Civil, do Grupo de Operações Especiais (GOE), em João Pessoa.

Carro-forte ficou completamente destruído após ataque na manhã desta segunda na BR-230 em Cruz do Espírito Santo (Foto: Walter Paparazzo/G1)
Armamento de grosso calibre foi apreendido com a quadrilha suspeita em assalto a carro-forte na Paraíba (Foto: Hebert Araújo/TV Cabo Branco)

Tags: Cotidiano, Brasil,
Eleições 2018
Dono de empresa suspeita de ajudar Bolsonaro fez o mesmo por Dilma
Política
PSOL pede para TSE suspender funcionamento do WhatsApp em todo país
Eleições 2018
Para juristas, há risco de cassação por compra de disparos no WhatsApp
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.