Litoral Sul
Publicada em 03/03/2018 às 14h41. Atualizada em 03/03/2018 às 14h54
Chuva causa alagamentos e assusta moradores de Tamandaré no Litoral Sul de Pernambuco
Na madrugada deste sábado (3), Apac registrou 67% da chuva esperada para março em Tamandaré.
Por: Redação PortalPE10 | Fonte: G1


Chuva causou alagamentos em Tamandaré, no Litoral Sul de Pernambuco (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Duas semanas após os transtornos causados pela chuva em cidades da Zona da Mata de Pernambuco, moradores voltaram a ficar assustados com o mau tempo, em Tamandaré, no Litoral Sul do estado. De acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), entre a madrugada e a manhã deste sábado (3), choveu em média 117,6 milímetros no município.

O volume de chuva registrado em apenas um dia equivale a 67% dos 174 milímetros esperados para todo o mês de março na cidade. Moradores relataram pontos de alagamento e transtornos causados pelas precipitações na cidade.

Morador de Tamandaré, o auxiliar contábil Ricardo Rosa teve que enfrentar a água na altura do joelho para poder sair de casa, após as chuvas. Segundo ele, choveu durante toda a madrugada no centro da cidade, mas as precipitações cessaram por volta do meio-dia.

“No centro, sempre alaga. Embora não tenha sido suficiente para causar muitas destruições, a água chegou a invadir o terraço das casas. Há uma nuvem preta pairando sobre a cidade e todo mundo está em alerta”, disse Ricardo.

Porto de Galinhas

O município de Ipojuca, também no Litoral Sul, que foi um dos mais castigados durante a chuva do dia 18 de fevereiro, voltou a sofrer com o grande volume de chuvas neste sábado (3). A Praia de Porto de Galinhas, um dos principais destinos turísticos da região, foi uma das mais afetadas no município.

A Apac registrou 60 milímetros desde a madrugada, quase um terço do esperado para todo o mês de março. Em Porto de Galinhas, a chuva alagou ruas e atrapalhou o comércio no fim de semana.

Chuvas de fevereiro

A Apac registrou, entre os dias 17 e 18 de fevereiro, um acumulado de chuvas acima dos 40 milímetros para os municípios de Catende, Cortês, Belém de Maria e Amaraji, todos na Mata Sul do estado. Em outros municípios do estado, a chuva ocasionou transtornos como alagamentos e deslizamento de barreiras no dia 18.

A cidade de Rio Formoso, na Mata Sul, registrou, em 24 horas, 134 milímetros de chuva em um dos pontos de monitoramento da Apac. O nível do rio que dá nome à cidade subiu e a água invadiu algumas casas da comunidade ribeirinha, segundo a Defesa Civil do município. Apesar disso, os moradores preferiram não sair do local.

Em Barreiros, na Mata Sul, a Defesa Civil do município havia registrado o acumulado de 103 milímetros de chuva. Ainda de acordo com a Defesa Civil do município, a água entrou nas casas ribeirinhas.


Fortes chuvas assustaram moradores em Tamandaré, no Litoral Sul de Pernambuco (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Sport
Claudinei celebra pausa para Copa: 'Vamos qualificar a equipe'
Polícia
Assista: Homem é arremessado de carro durante perseguição policial
Pernambuco
Pagamento de multas de trânsito com cartão de crédito ou débito é suspenso
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.