Mundo
Publicada em 25/01/2018 às 15h26. Atualizada em 25/01/2018 às 15h26
Boa Viagem e Copacabana listada entre as praias mais perigosas do mundo
Os ataques de tubarão de BV e os assaltos no Rio colocaram as belas praias no ranking.
Por: Redação PortalPE10 | Fonte: FolhaPE

Foto: Gustavo Glória/Folha de Pernambuco
Um levantamento do portal UOL apontou as praias mais perigosas do mundo. Duas praias brasileiras estão na lista, Boa Viagem e Copacabana. Listamos cinco delas e os motivos pelos quais estão na temida lista, confere: 

Boa Viagem (Brasil)

Embora a Flórida (EUA) seja a região que registra mais ataques de tubarões no mundo, é a praia pernambucana de Boa Viagem, em Recife, que detém o recorde de vítimas do animal no Brasil. A partir de 1992 ocorreram 24 ataques fatais a banhistas e surfistas, o último em 2013. Vivem lá as temidas espécies galha-preta e tigre, que medem de 3 a 6 metros de comprimento.

Copacabana (Brasil)

Arrastões, sequestros e assassinatos sujaram a imagem da praia carioca, que passou a ser considerada uma das mais violentas do Brasil. Em 2017, segundo o Instituto de Segurança Pública, foram registrados cerca de 60 roubos e furtos de bicicleta e 320 de celular, os que mais crescem ano após ano, além de crimes mis graves: cerca de 30 casos de estupro e 20 homicídios de civis.

Fraser Island (Austrália)

A praia abriga um tipo de lobo, o dingo. Em matilhas, eles não só representam ameaça à fauna local como têm atacado turistas. De acordo com a Associated Press, desde o início dos anos 1990, foram pelo menos cerca de 30 casos de ataques. Fontes: Huffington Post, The Daytona Beach, Comitê de Monitoramento de Incidentes com Tubarão (Cemit) e International Shark Attack File da University of Florida.

Kilauea Beach (Estados Unidos)

De todo o litoral do Havaí, o trecho mais ameaçador é o dessa praia. É que ela é a principal rota por onde a lava do vulcão mais ativo do mundo, o Kilauea, desagua no oceano. Em épocas de erupção, as águas mais rasas chegam a ultrapassar os 43°C! Mesmo assim, todos os anos, cerca de 2,6 milhões de pessoas visitam a região.

Hanakapiai Beach (Havaí)

Nesta praia, violentas correntes oceânicas mataram 85 visitantes desde 1970. Para entender o fenômeno, no caso de um banhista ser ser puxado para o mar, a praia mais próxima para ele retornar em segurança fica a uma distância de aproximadamente 10 km. A zona de alcance das correntes é tão grande que os corpos de pelo menos 15 vítimas de afogamento nunca foram recuperados.

Litoral Sul
Mulher morre após levar facada de namorado da sobrinha em São José da Coroa Grande,PE
Eleições 2018
'Acredito em vitória no primeiro turno', diz Henrique Meirelles
Entretenimento
'Meu voto é secreto', diz Anitta após suposto apoio a Bolsonaro
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.